Acompanhe o blog Perdi meu bebe. Basta clicar no quadrinho ao lado.

Quem sou eu

Minha foto
São José do Rio Preto, São Paulo, Brazil
Meu nome é Cecylia sou casada há 14 anos com o Paulo Henrique, tenho uma menina que se chama Débora hoje ela está com 12 anos. Sei exatamente como você esta se sentindo, porque já passei por isto também, perdi o meu bebê quando estava grávida de 7 meses e meio, foi morte intra-uterina no dia 09/10/2007 seria o meu segundo filho um menininho. Eu tive dengue com três meses de gestação a geneticista que me atendeu disse que o vírus da dengue pode ter entrado através da placenta e atingindo o feto e com 7 meses e meio ele desenvolveu hidrocefalia, juntou água na cabecinha dele. Como você eu sofri muito e até hoje sofro, porque não é fácil aceitar. Dói muito amiga, é uma dor que parece que não tem fim. Se você precisar conversar sobre tudo que lhe aconteceu estou a disposição. Se você já passou por isto escreva contando como você superou esta perda, e se teve outro bebe. O seu depoimento é um ato de amor, para outras mamães que estão passando pelo que você passou. Amiga (o) seja bem-vinda (o), agradeço sua visita. Deixe seu comentário.

NOSSOS ANJOS, AMOR ETERNO!

NOSSOS ANJOS, AMOR ETERNO!
Passe o mouse sobre o texto para parar de correr
"Meu Bebe, eu queria cantar para embalar seus sonhos, agora sei que os anjos do céu farão isso por mim... Eu queria olhar nos teus olhinhos a brilhar e dizer que te amo, agora farei isso olhando as estrelas... Eu queria te pegar no colo e te envolver no meu abraço, mas sei que nos braços do Pai você estará bem mais protegido do que nos meus... Por mais que o tempo passe, nunca vou me esquecer de você porque o meu amor é eterno."
SE QUISER PARAR A MÚSICA CLIQUE NOS DOIS TRACINHOS (II) LOGO ABAIXO NO MIXPOD, PRINCIPALMENTE SE VOCÊ QUISER VER ALGUM VÍDEO QUE ESTÁ NAS HOMENAGENS DAS MÃES DE ANJOS OU NO BLOG.

VISITANTES HOJE

"Muitas mulheres geram filhos, nós geramos anjos, por isto somos especiais para Deus."

QUEM PASSOU POR AQUI RECENTEMENTE

TRADUTOR DE IDIOMAS

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

Cadastre-se e receba artigos do Blog por e-mail! Clique no link que irá para seu e-mail e confirme.

Digite seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

"A mulher que diz que não existe dor maior do que a dor de parto, com certeza nunca perdeu um filho!"

CONTE SUA HISTÓRIA TAMBÉM

Nossos anjos existiram, se fizeram presentes em nossa vida, mesmo que por pouco tempo, vamos eternizar estes momentos mágicos que vivemos fazendo esta homenagem para nossos bebes tão amados. A sua história pode ajudar outras mães de anjos que estão passando pelo mesmo que você. Basta publicar sua história nos comentários de cada postagem, só não será possível postar fotos.
Cecylia

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Mensagem para uma mãe que perdeu seu bebe: ANJO DE LUZ

Mãezinha, se você pensa que seu bebe se foi...

Se você chora pela saudade que seu bebe deixou no coração...

e se pergunta, entre lágrimas: POR QUE MEU BEBE SE FOI?

Saiba que seu bebe não se foi...

Continua entre nós, de um jeito diferente.

Está vivo de um jeito diferente!

Com certeza do jeito perfeito, o jeito de Deus!

Não pergunte por que seu bebe já foi tão cedo...

Pergunte-se: por que ele veio?

Por que Deus teria dado este bebe a você?

O que seu bebe veio fazer entre nós?

Seu bebe veio porque tinha uma missão,

a missão de amar e ensinar a amar.

E a sua missão como mãe é a de amá-lo eternamente.

Seu bebe foi um raio de luz, uma mensagem de Deus.

Veio e se foi...

Mas sua passagem tão breve deixou tanto AMOR,

tanta SAUDADE, que seria impossível esquecê-lo!

Hoje mãezinha você só pode agradecer a Deus

por Ele ter enviado este presente para o seu ventre...

A vida de seu bebe vivida contigo,

mesmo que fosse por tão pouco tempo.

Faça esta oração e a paz reinará novamente

em seu coração:

Deus meu Pai, hoje eu sofro a dor da saudade.

A dor de não poder mais tocar neste Anjo de Luz.

Mas, mesmo entre lágrimas, te agradeço.

Obrigada por ter me permitido viver com meu bebezinho

tão especial, meu anjinho de luz.

Obrigada pelo tempo que ele passou comigo...

Dá-me hoje a generosidade de devolvê-lo a Ti.

Toma-o, Senhor,

Agora meu bebe é seu,

Inteiramente Teu...

Embora, continue sendo meu também.

Que meu bebe seja um Anjo de Luz entre eu e o Senhor meu Deus;

O mensageiro a levar minha oração ao teu coração de Pai.

Conforta-me Deus, me ensine

a aceitar a sua vontade, hoje e sempre.

Amém.

99 comentários:

  1. Meu 1' filho José Yarley,nasceu e faleceu com 15 dias de nascido,devido a um problema no coraçãozinho(hipoplazia de ventrículo esquerdo)...foi o dia mais difícil da minha vida.
    Hoje Deus me deu a graça de ter uma filha linda e com uma saúde maravilhosa e abençoada,o nome dela é Graça Mariana que hoje está com 3 anos e 4 meses.
    Enfim,é uma dor sem tamanho e inesplicável,a pior que um ser humano pode sofrer,independente da idade,néh mesmo!

    Digo ás mamães que estão passando por isso,a dor diminui,um dia,mas a lembrança e o amor são eternas,mas se apeguem com Deus,pois por mais que fiquemos revoltadas e se perguntando "por quê?por quê?? só Ele sabe o porque...
    Sei que dói muito,muito mesmo,parece que o mundo acaba,sua vida parece não ter mais sentido algum,mas se vc tiver o apoio e o carinho da família da pra amenizar um pouco!!Fiquem todas com Deus!!Um abço!Joana D'arc
    Parabéns pelo seu blog!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi li seu depoimento e me emoçonei muito a um mes perdi meu bebe ela nasceu com cardiopatia congenita no coraçao a minha dor e muto grande pois sinto muita fata dela nao entedo o porque deus levou ela de mim pois ela era tudo que eu tinha pergunto a deus todods os dia o porque pois eu amo ela mais do que tudo nessa vida e daria tudo para ela estar aqui comigo, mais a pesar da minha dor e saudade sei que deus fez o melhor pois ele nao queria ver meu anjinho sofrer e sei que ele vai me da o previlegio de ter outro bebe tenho muito medo de acontecer dinovo mais a mina fe em deus e muito e sei que le vai me dar outro bebe para que a minha alegria volte e para que eu possa sentri o melhor amor do mundo! filha marina a mamae te ama muito para sempre voçe sempre vai ta no meu coraçao sei que agora voce nao esta sofrendo meu anjinho te amo !

      Excluir
    2. Eu perdi meu pequeno MURILO a 3 meses ele naceu bem e depois de 4 dias de vida veio a falecer essa dor que eu to sentindo eh muito dificil n desejo nem pro meu pior inimigoh pq doi dms PERGUNTO:Pra deus porque meu filho era tao lindo tao saudavel e eu ver meu filho no caxão foi o pior dia da minha vida depois daquele dia minha vida acabou meu chão desmorono hj choro todos os dias au lembrar das suas mamadas do seu choro do seu sorriso do seu aperto na minha mão vc no meu colo.Eu durmi sonhando acorda e tudo isso se um pesadelo mais quando vejo isso eh realidade so deus sabe oq eu to passando e sentindo dentro de mim.DEUS me ajuda n tenho mais vontade de viver de fazer nada comforta meu coração segura na minha mae e me levanta pq no momento estou no chão. TE AMO MEU PRINCIPE. :(

      Excluir
    3. Sei o que estás passando,pois perdi meu Arthur Vinícius dia 04 de janeiro deste ano, e está sendo muito difícil superar.Eu tive diabetes gestacional.

      Excluir
  2. Oi, tbm sou mãe de dois anjinhos meu Davi e minha Lara. Estava gravida de 5 meses quando o colo do meu utero se abriu, quando cheguei no hospital já estava com 4 dedos de diltação, fiquei assim por 3 dias, até que os medicos resolveram fazer uma circlagem (eles custurarão o colo do meu utero)pra ver se assim eu conseguia segurar mais os meus gemeos, mas depois de 4 dia da circlagem, voltei a ter contração ai não teve mais jeito no dia 14/08 minha pequena Lara nasceu pesando 455 gramas, mas ela não resistiu falecendo logo após nascer, já o meu pequeno Davi nasceu pesando 510 gramas, mas ele tbm não restitiu faleceu no dia 18/08. Era a minha primeira gestação apos 10 anos de casada. Hoje meu coração esta ainda muito triste, mas acredito em DEUS e sei que ele sabe o que melhor para nós, e sei que ele etá cuidando dos meus anjinhos. Sinto muita saudades dos meus anjos. Obrigada Cecylia por esse blog ele tem acalmado muito meu coração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. oi vanessa meu caso foi igual o seu estava gravida de 6mes e ele nao sobreviveu amanha faz um ano que o perdi, sofro muito com a perca dele depois que perdi tive muitas complicaçao, dei uma parada cardiaca quase que nao resisti mais tenho certeza que meu anjinho esta com Deus agora olhando pra mim. nao fiquei triste.

      Excluir
    2. oi sou Maristela Alexandre com 5 meses de gestacao perdi meus gemeos, Peter e Enzo sinto meu coracao partido estou derrotada...

      Excluir
  3. Oi Vanessa sinto muito pela Lara e pelo Davi.
    Que bom amiga, que mesmo diante de tudo o que você passou você não está revoltada com Deus e entende que Ele está cuidando de seus dois anjinhos. A tristeza é algo que não podemos evitar, pois perder um filho desejado dói demais, mas a revolta só aumenta ainda mais nosso sofrimento, digo isto por experiência própria, pois não aceitei assim como você de imediato mesmo já tendo uma filha amada comigo. Hoje vejo que Deus só quer o nosso bem e se Ele levou nossos anjos é porque era necessário, um dia saberemos o motivo de tudo isso. Tenho certeza disto.
    Quando você estiver melhor fisicamente e emocionalmente, não desista do seu sonho de ter um filho. Muitas mulheres como você viu no blog, também são mães de anjos igual a você, perderam seus bebezinhos na primeira gestação, engravidaram novamente e agora já estão com seus bebezinhos no colo, e com você não será diferente. Espero que você se recupere logo e que em breve Deus possa abençoá-la com outro bebe perfeito e saudável e que toda tristeza que você esta sentindo neste momento se transforme em alegria.
    Que Deus possa te consolar, assim como Ele tem me consolado.
    Escreva sempre que desejar.
    Cecylia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tava ravida d quatro meses e meio d meu primeiro bebe eu e meu marido queriamos muito,fui consultr e marquei um ultra p ver o sexo do bebe para nossa surpresa o bebe tava morto,do nada c foi tive q fazr corretagem e cesaria 19 pontos p tirar ele de mim e faz um mes e pouco ainda doi muito nao consigo m conformar aceitr isso ,e nao foi encontrado motivo algum da mort do nene parec q tiraram um pedaço d mim mais confio em deus dxo nas maos dele ,ais nao e nada facil

      Excluir
  4. Olá!!!!

    Meu nome é Jussara e em agosto de 2008 tb perdi o meu bb (eu estva de 6 semana de gestação) era o meu 1º filho!!! De lá pra cá .... vcs podem imaginar!!! Minha família é muito pequena (Só eu e minha mãe)já o meu marido tem a família grande!!! É muito bom ter alguém pra conversar em relação a isso!! Tenho me mantido isolada desde então!!! Minhas amigas tem filhos vivos e nenhum um pouco de sensibilidade em relação a quem ñ tem filhos!! Enfim, tenho procurado me manter serena e buscado muitas informações religiosas em relação ao assunto, mas posso dizer q passei por fases de desespero!!! E isso tudo sem demonstrar p/ ninguém em casa!!! Rogo a Deus por mim e por todas as pessoas q passam por isso, pois só ele pode nos consolar e compreender o nosso coração.
    Obrigada pelo espaço
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. (SIRLEIDE)Amanhá meu Caio estaria completando 2 meses de vida, ainda sinto muito por te-lo perdido estou cheias de duvidas ainda com relação a tentar uma nova gravidez pois apesar dos 35 anos tenho uma saude admiravel i fisicamente nada me impede de tentar de novo mesmo já tendo 3 filhos 1 principe e uma princesa do primeiro casamento.e uma princesinha de 5 anos do segundo, esperavamos o nosso principezinho mas só o tivemos por 1 mes e 14 dias.seu blog tem me ajudado muito esperarei a vontade de Deus e em breve quero compartilhar boas noticias.bjs fica com Deus

    ResponderExcluir
  6. É muito difícil aceitar a vontade de Deus nessas horas. Passei 9 anos tentando engravidar, desde que me casei só pensava em ter um filho. Nunca dei muito valor ao meu casamento como uma união de duas pessoas, para mim o único sentido de estar casada era para ter filhos.
    O ano passado porém, tomei a decisão de aceitar a vontade de Deus , eu não iria mais lutar para ter filhos, iria valorizar o meu marido e ser feliz com que eu tinha. Não me preocupei mais. Estava finalmente feliz depois de 9 anos, me sentia livre, em não mais pensar em bebês e ser mãe. Foi nesse tempo que engravidei. Achei que Deus havia realizado um milagre em minha vida e assim dizia para todo mundo. Estávamos radiantes. Mas, com quatro meses de gravidez, qdo fomos fazer a ultra par ver o sexo do bebê, recebemos a notícia de que ele estava com uma má formação e morreria em pouco tempo.
    Briguei com Deus.
    Porque, Ele me deu um filho na hora em que finalmente eu estava feliz, depois de tanto tempo. Na hora em que eu me conformei em não ter filhos. Porque Ele permitiu que eu fucasse grávida para passar por isso?
    Fiquei com vergonha das pessoas para quem eu disse que Deus havia realizado um milagre. Que milagre foi esse? Eu não sabia o que dizer. E ainda não sei. Nunca mais fui a Igreja, tenho vergonha de encontrar as pessoas.
    Mas meu anjinho não morreu na minha barriga como os médicos disseram,ele nasceu com 8 meses e eu pude ouvir o chorinho dele na sala de parto e depois tocar nele na UTI, e ele era o bebê mais lindo que eu já vi.Acho que isso foi um prêmio, sei lá. Eu não tenho nenhuma má recordação do meu filhinho, sinto alegria quando penso nele, mas sinto tb muita saudade. Eu carreguei ele por 8 meses e ainda me pego com a mão na barriga como se ele estivesse lá, e meu marido tb, é involuntário, fazemos sem perceber.
    Parece que fica faltando um pedaço da gente, um lugar vago, vazio...
    Um dia estava ouvindo uma música gospel e comecei a pensar no meu filhinho, então disse a Deus.
    " O Senhor me deu o João por pouco tempo, eu não queria mas tive que Te devolver, então, cuida direitinho dele, ele é tão pequeno, mas tão importante pra mim".

    ResponderExcluir
  7. oi eu tambem tenho dois anjos taty 10anos pierre de 12 anos estava gravida quando de 4 meses quando eu e meu marido fomos fazer a primeira eco fomos todo felis eu então ñ cabia em mim de tanta felicidade mas fazendo da eco meu nenen ñ mexia e o coração ñ batia que despero ja fas 26 dias que isso aconteceu entrei numa depressão ñ tenho mais paciencia com meus filhos eu ñ consigo mais ouvir musicas gospel eu perdi meu chão

    ResponderExcluir
  8. oi eu tambem tenho dois anjos taty 10anos pierre de 12 anos estava gravida quando de 4 meses quando eu e meu marido fomos fazer a primeira eco fomos todo felis eu então ñ cabia em mim de tanta felicidade mas fazendo da eco meu nenen ñ mexia e o coração ñ batia que despero ja fas 26 dias que isso aconteceu entrei numa depressão ñ tenho mais paciencia com meus filhos eu ñ consigo mais ouvir musicas gospel eu perdi meu chão eu me sinto sozinha mas eu ñ demostro minha angustia sofro sozinha adoro fica sozinha alguem me ajuda com palavras

    ResponderExcluir
  9. oi eu tambem tenho doi filhos taty de 10 eo pierre de 12 anos estava gravida de 4 meses fui eu e meu marido fazer a primeira eco pra ver o meu nenen mas meu filho ñ batia o coração e nem se mexia quanta dor ja faz 25 dias que isso aconteceu mas parece hontem ñ consigo esquecer ñ sou a mesma sou estou revoltada com tudo ñ tenho paciencia com meus filhos tenho vontade de sumi estou depresiva me ajudam com palavras por favor

    ResponderExcluir
  10. Rosangela
    Entendo perfeitamente como se sente, acho que todas as mamães aqui entendem.
    É assim mesmo, parece que nunca vai passar e é uma dor insuportável. Nada nos alegra. Mas posso lhe garantir uma coisa, a dor diminui com o tempo. É preciso ter paciência com as recaídas. Pois um dia pode parecer que está melhor e no outro dia já se sentir mal de novo, é normal, só o tempo mesmo é que vai cicatrizar as feridas, pois a lembrança jamais sairá do seu coração. Cada filho é único e vc jamais vai se esquecer dela. Mas conseguirá viver com a saudade.
    Faz 40 dias que meu anjinho foi embora e eu ainda sinto muita trizteza e dor, mas tem havido alguns dias bons e eu acho que estou melhorando um pinguinho, porque é assm mesmo, um passinho de cada vez.
    Também fico muito nervosa e irritada com todas as pessoas. Sei que amo meu marido e ele tem sido um anjo em minha vida, mas até com ele fico muito irritada, mas é normal. Estamos destruídas por dentro, é como um cachorrinho ferido, quando alguém se aproxima, ele morde.
    A minha psicóloga disse que tenho que pensar que meu marido tb perdeu um filho e perceber que ele tb sofre, a dor ão é só minha. Isso tem me ajudado a ser mais paciente com ele.
    Não fique ansiosa porque se sente mal, é assim mesmo, quase todas se sentiram assim, mas vai melhorando com o tempo.
    Um grande abraço a todas Raquel.

    ResponderExcluir
  11. Olá,mamães de anjos ontem terminou minha liçença maternidade fezem 3 meses que meu anjo partiu com 1 mês de idade, trabalhei o dia inteiro sentindo uma enorme angustia e um aperto muito grande no coração fico lembrando os meses que meu anjo passou comigo, quando comecei a trabalhar nesta empresa eu já estava de três meses.E foi lá tambem que sentia muito mal quando minha pressão começava a subir,agora não consigo mais ficar naquele ambiente mas também não posso ficar desempregada.Não sei o que fazer.

    ResponderExcluir
  12. Oi Rosangela, sinto muito por seu bebezinho.
    Sei como você se sente amiga, eu também tenho uma menina de 10 anos, sei o quanto você está triste por ter perdido seu bebe, mas não podemos morrer porque nossos anjos se foram, pois a vida continua e seus filhos dependem ainda muito de você, pois estão entrando na adolescência. Esta fase é tão critica amiga, se fortaleça nos seus filhos, erga-se por eles, você tem uma menina que um dia será mãe também, se você ficar como está ela poderá ficar traumatizada com tudo e talvez nem queira ser mãe, para não passar pela dor que você está passando. Você precisa ser forte, mostre para eles que você apesar de toda dor que está sentindo ama à vida, e vai lutar para superar tudo isto e quem sabe quando se sentir melhor possa até tentar ter outro bebe novamente. Eu também já me revoltei muito, cheguei a ficar doente com dores no corpo todo e só consegui sentir paz quando coloquei no meu coração que Deus fez o melhor por mim e por meu bebe. Se Deus levou seu anjinho tenha certeza absoluta amiga que Ele levou porque era necessário, sei que não é fácil aceitar isto, mas pelo bem de nossos filhos precisamos nos esforçar e ter paciência com nós mesmas.
    Deus tem visto as suas lágrimas e tem visto o quanto você está sofrendo. Deixe Ele cuidar de você, deixe Ele te consolar. Nós não sabemos o motivo de sermos escolhidas para ser mãe de um anjo, mas Deus sabe e um dia você saberá também.
    Escreva sempre que desejar.
    Cecylia

    ResponderExcluir
  13. Oi Vilma, sinto muito por seu bebezinho.
    Como você mesmo disse querida, você precisa trabalhar, pois não pode ficar desempregada então você mesmo já deu a resposta que precisava.
    Mas confie em Deus no momento certo Ele vai te preparar outro emprego no qual você se sentirá melhor. Comigo foi assim também, a volta ao trabalho parece uma tortura, temos muito medo de encontrar as pessoas novamente e elas perguntarem de nosso bebe, tudo é muito ruim, mas com o tempo as coisas voltam ao normal, mesmo porque o trabalho é muito bom porque ocupamos a nossa mente e ajuda muito a nossa recuperação.
    Esquecer de seu bebe você não esquecerá nunca, mesmo trocando de emprego.
    Espero que Deus possa lhe confortar assim como Ele tem me confortado.
    Escreva sempre que desejar.
    Cecylia

    ResponderExcluir
  14. olá meu nome é Jucelia hoje faz 11 dias que perdi minha pricesinha estava com 26 semanas de gestação ela morreu dentro da minha barriga desde então me sinto vazia, incapaz pois ela morreu e eu não pude fazer nada, não sei se vou conseguir superar não tenho mais motivos p sorrir, viver já não faz mais sentido...não canso de me perguntar porquê??? são tantas duvidas mas não encontro respostas...
    já estava tudo pronto a sua espera,tenho 25 anos ela seria meu presente de natal q agora já terei mais, Ana Luisa minha filha como doi ver meus seios cheios de leite e não ter minha filha para amamenta-la...Deus me de forças!!!

    ResponderExcluir
  15. Oi Jucélia sinto muito pela Ana Luisa.
    Amiga eu sei como você se sente e o quanto você está sofrendo perdi o meu bebe também de morte intra-uterina só que eu estava de 34 semanas, entrei em um centro cirúrgico para fazer uma cesárea sabendo que não sairia de lá com meu bebe nos braços, mas nunca pensei que minha vida não tinha mais sentido, porque se assim fosse Deus teria me levado junto com meu filho, e se Ele não levou tenha certeza absoluta amiga que Ele tem algo de muito bom reservado pra gente ainda. E esta resposta que você quer só Ele poderá te dar um dia, digo isto por experiência própria, quanto mais questionamos maior é o nosso sofrimento.
    A perda de sua filhinha ainda é muito recente, mas quando você se sentir melhor fisicamente e emocionalmente, tente novamente, não desista do seu sonho de ser mãe. Muitas mamães de anjo assim com você perderam seus bebezinhos na primeira gestação e hoje já estão com seus bebezinhos no colo. Sei que não é fácil começar tudo de novo, você sentirá medo, mas quando você tiver seu bebezinho no colo você vai ver o quanto valeu à pena.
    Que Deus possa te consolar te dando forças para não desistir de seus sonhos.
    Escreva sempre que desejar.
    Cecylia

    ResponderExcluir
  16. OBRIGADA PELA FORÇA
    EU ESTAVA AUSENTE Ñ CONSIGUIA LEVANTA A CABEÇA
    EU ESTAVA UM CACO MAS ENTEGUEI NAS MÃOS DE DEUS
    E É SO ELE NA MINHA VIDA MEU BEBE Ñ VOLTA MAIS
    TENHO QUE ME CONFORMA
    MAS TODOS OS DIA EU ESCUTO LOUVOR TEM ME AJUDADO MUITO EU PRECISO ME ERGUE PORQUE TEM MAIS PESSOAS QUE PRECISAM DE MIM OBRIGADA CECILIA E RAQUEL QUE DEUS ABENÇOE TODAS NOS

    ResponderExcluir
  17. hoje voltei no hospital pra pega
    o resultdo do exame o motivo que meu bebe
    morreu ão ler aquele papel tive uma surpresa
    meu bebe meu anjo era menino
    ai que felicidade eão mesmo tempo estou triste
    era pra mim esta de seis meses
    pra que meu DEUS isso comigo
    meu filinho so de pensa que ñ vou saber como ia ser se ia parece comigo ou com meu marido
    meu coração esta apertados ai ai ai que dor imensa eu ñ acredito que meu filinho ñ vai estar comigo meu pai me ajude a carregar essa cruz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. querida Deus te dará forças. tbm perde meu bb e nem ao menos sei se era menino ou menina. fiz todos os exames para saber se estava gravida e só descobri quando senti fortes dores e olhei tava sangrando muito fui ao banheiro e passei por tudo sozinha. queria muito esse filho. ja desconfiava estar gravida mais so tive a certeza quando o perde. queria saber tbm se ia parecer comigo ou com meu namorado q hoje é meu esposo faz 1 ano que tudo isso aconteceu. passei por tudo sozinha pq morava com minha mãe. e tinha receio de contar q nao era mais virgem. sofro muito a falta do meu anjo.

      Excluir
  18. OI!!!!
    Sou eu a Jussara do RJ (perdi meu bb c/ 6 semanas de gestação)já conversamos pelo orkut e Msn.... Hoje eu vou ao médico e estou um pouco confusa.....ñ estou me sentindo bem...estou c/ medo de ñ gostar do q vou ouvir... isso está afetando o meu casamento...já se passou 2 anos e nada ... Peço a Deus q me oriente e ñ permita q eu perca a cabeça.... Obrigada pelo espaço....

    ResponderExcluir
  19. Olá amigas.
    No meu caso, não cheguei a ter meus bebês, erão gêmeos, estava com apenas sete semanas mas já os amava muito.
    Foi muito triste, pois quando fui fazer a primeira ultra-som os corações dos gêmeos já não batiam.
    A dor é muito grande, mas Deus sabe o que faz.
    Hoje(20/10/2010), seria o dia previsto para o parto. Divido minha dor com toas vçs.
    Um forte abraço a todos, e que deus nos dê muita força para suportar tanta dor.
    Obrigada por tudo Senhor!!!!

    ResponderExcluir
  20. Oi Jussara entendo como se sente, mas não fique assim tão angustiada amiga,
    os obstáculos existem para serem superados, independente do que você ouvirá dos médicos Jesus sim é o médico dos médicos é Nele que você deve acreditar. Como você mesmo disse isto já está afetando seu casamento porque com certeza você deve estar muito ansiosa, de nada adianta ficar desse jeito, no momento certo Deus te enviará outro bebezinho. Procure acalmar seu coração, leia bons livros, ouça músicas que falam de Deus, tenho certeza que você se sentirá bem melhor.
    Fique com Deus
    Cecylia

    ResponderExcluir
  21. OI!!!!

    Sou eu a Jussara do RJ, obrigada pelas suas palavras e pelo espaço... fui ao médico e terei q continuar a tomar a medicação e fazer outros exames... tudo de novo.... Tô muito cansada disso tudo!!! Mas sei q um dia isso tudo vai passar...
    Muito obrigada mesmo!!!! Bjs q Deus te abençõe!!!

    ResponderExcluir
  22. sou charliana de fortaleza obrigado por ter feito este blog como voce tambem perdi meu bebe aos sete meses de gravidez como e dificil aceitar mais como disse deus sabe o que faz e a minha maria clara com certeza esta ao lado deus rogando por nos.

    ResponderExcluir
  23. Sou beatriz do Rio de Janeiro
    perdi meu bebê e
    não tive a oportunidade de ver o rostinho do meu anjinho , meu filho faleceu com 4 meses de gravidez , era uma gravidez tão desejada por todos , mamãe de primeira viagem e com 18 anos nossa isso era o melhor presente que deus teria me dado , mas infelizmente não pude ver o rostinho dele , sentir o cheirinho , poder pega-lo no colo e dizer : MEU FILHO .
    Mas ainda sonho eu poder ve-lo e dizer isso .
    Um dia irei te encontrar Meu anjinho , mamãe te ama s2

    ResponderExcluir
  24. aline nicacio dos santos24 de novembro de 2010 18:25

    oi,meu nome é aline tenho 21 anos eu tenho um filho chamado gustavo de 2 meses quase eu que eu perdi ele foi por pouco que não perdi cheguei a tempo no hospital perdi bastante liquido.
    graças a Deus ele esta em com saude
    lamento e meus pesames para mães que perderam seus filhos que são chamados de anjos
    bjs
    obrigada

    ResponderExcluir
  25. oi, me chamo wanderley e a 4 meses atras meu bebe foi morar comDeus, depois que nasceu com4 meses começou a ter sintomas amiotrofia muscular e passou a ficar internado respirando por aparelho, traqueostomia e a se alimetar por sonda. depois de muito tempo no hospital lutamos pra trazer ele pra casa e conseguimos todo aparelho e condiçoes d ecuidar dele, eu ficava 24 horas cuidando dele e vendo ele melhorando na medida do possivel, e crscendo sendo feliz , mas um dia ele fica estatico e sem se mexer, levamos ao hospital e minha esposa fica la com ele e as 10 e pouco da noite ela me liga e diz que por duas parada cardiacas ele nao aguentou. Foi o dia mais triste d eminha vida, o pior d etudo foi entar no nicroterio pra por roupinha nele pq nao tinha quem colocar, como queria ele ali sorrindo. bem hj a falta dele doi e muito, pis foram um ano e 4 meses juntos , sorrindo , chorndo, amando. desculpem meu desabafo, mas ta dificil pra mim ainda, to ate com problemas de saude por isso , mas sei que ele esta bem . obrigado por me abrirem espaço pra contar e desabafar um pouco da minha dor. fiquem com DEUS.

    ResponderExcluir
  26. Oi Wanderley sinto muito por seu bebe.
    Todos nós queríamos muito que nossos anjinhos estivessem ao nosso lado, à falta que eles fazem é imensa. E por mais que o tempo passe é impossível preencher o vazio que eles deixaram, nossos bebes estão em um lugar lindo onde somente os anjos podem estar, pois eles não tinham pecado e é isto que nos conforta.
    Um dia Wanderley nos reencontraremos de novo com nossos anjinhos e saberemos porque eles partiram tão cedo levando um pedaço do nosso coração, mas por enquanto meu amigo temos que continuar nossa caminhada, por mais difícil que seja, tenho certeza absoluta que seu bebe deve estar triste de te ver assim, cuide da sua saúde e procure uma motivação para viver, tem um livro que uma amiga indicou que se chama: QUANDO O SOFRIMENTO BATER À SUA PORTA, do padre Fábio de Melo ela me disse que ele fala de como podemos superar o nosso sofrimento, eu ainda não li, pretendo ler, mas ela disse que é maravilhoso. Espero que Deus abençoe você e sua esposa, e que Ele possa mandar outro presentinho do céu para alegrar os seus corações.
    Cecylia Silva

    ResponderExcluir
  27. Warderley tenha fé em DEUS,ele sabe de todas as coisas!!!Eu me chamo Daniela e também tive a honra de ser mãe de uma linda princesinha,mesmo por pouco tempo,foram seis meses e meio mais felizes da minha vida.Minha menina nasceu com cardiopatia congênita e com vinte cinco dias passou por uma cirurgia,passou quase setenta dias no hospital,ganhamos alta mas a minha princesa não respirava sozinha,viemos para casa com aparelho de oxigênio e sete tipos de medicamentos.A batalha foi grande,mas a cada sorriso que ela nos dava nos deixava muito felizes....Enfim, escrevi tudo isso para te dizer que temos que aceitar tudo que DEUS nos dá..."DEUS NÃO DÁ A CRUZ MAIOR QUE PODEMOS CARREGAR" seja forte você é capaz de superar tudo...DEUS te abençõe....

    ResponderExcluir
  28. oi mininas meu nome é bruna ontem fas um mes que minha sara foi morar com deus ainda estou muito priste e não consigo dar as coisas dela inbora e nem pudi pegala no colo nem abraçala ela nacseu de seis meses de gestação devido a um descolamento prematuro de placenta ela viveu só deus horas e pela falta de uti neo natal na minha cidade ela morreu ela parecia mais com anjo dormindo eu amo muito ela e se deus me abençoasse com outra minina eu fikaria muito feliz é mais deus deve sabe ok ta fazendo né esse blog me ajudou muito bjss a todas vcs mães de anjos

    ResponderExcluir
  29. mininas hj fas um mess ke minha sara se foi to sem vontade de viver

    ResponderExcluir
  30. nos samos privilegiandas pos temos um anjo só pra interseder por nós

    ResponderExcluir
  31. ´´lais mãe de ANA BEATRIZ´´

    Faz um mês que Perdi minha anjinha ,ela nasceu com uma paralisia facial que não deixava ela abrir a boca pra comer desde que ela nasceu ficamos logo internada,ela teve que fazer uma gastrostomia,teve varios problemas respiratorios,saimos depois do natal dia 28 de dezembro de 2010 ficou so dez dias em casa e faleceu dormindo..depois de ter feito e refeito a gastrostomia depois de ter sofrido muito ela finalmente esta descançando..
    sinto muito por vc !

    ResponderExcluir
  32. Lais sinto muito por sua filha,também sou mãe de uma linda anjinha chamada Isabela,minha filha assim como a sua nasceu e sofreu muito.Ela respirava com ajuda de aparelhos,tomava vários medicamentos e com seis meses e meio ela foi para junto de DEUS PAI,o que me consola é que minha princesinha não está mais sofrendo,não tem mais dores e está no lugar melhor do mundo.È claro que para nós mães ,queremos ver nossos bebês juntos de nós,ganhando nossos carinhos e beijinhos.Mas temos que aceitar e nos conformar,DEUS sabe o que faz,se ele levou nossos anjinhos é porque aqui na terra eles iriam sofrer muito,e DEUS não quer que ninguém sofra....Fique bem, que DEUS te dê o conforto que você precisa......

    ResponderExcluir
  33. Oi Lais, sinto muito pela Ana Beatriz.
    Assim como a Daniela disse é difícil para nós mães a separação, queríamos que nossos anjinhos estivesse com a gente, mas Deus é pai também, Ele não quer ver nossos filhos sofrendo, e com certeza a nossa dor é seria maior ainda de ver nossos pequenos sofrendo.
    No céu, eles são perfeitos diante de Deus, e o papai do céu esta cuidando da Ana Beatriz pra você. Um dia você encontrará sua pequena de novo e com certeza ela saberá o quanto você a amou. Espero que Deus possa te enviar outro anjinho em breve para alegrar seu coração, nunca substituirá a Ana Beatriz, mas com certeza encherá sua vida de alegria.
    Que Deus possa te consolar, assim como Ele tem me consolado.
    Cecylia

    ResponderExcluir
  34. OI MEU NOME E PATRICIA TENHO 24 ANOS E TIVE UMA LINDA MENINA MINHA PEQUENA NACEU COM SEMANAS MINHA BOLSA ROMPEU EM CASA EFUI PARA O HOSPITAL E CHEGANDO LA JA ESTAVA FALTADO DOIS DEDOS DE DILATAÇAO QUANDO A ANTONIA JULIANA NASCEU ERA UM BEBE LINDO FICOU INTERNADA CERCA DE 11 DIAS IA QUESENTODO DIA VELA QUANDO NO DEIA 18DE FEVEREIRO DE 2011 LIGARAN DO HOSPITAL PEDINDO PARA COMPARECER AO HOSPITAL .
    ENTAO FUI COM MEUS PAIS ATE LÁ QUANDO A MEDICA ME DICE QUE MINHA PEQUENA PRINCESA TINHA FALECIDO FIQUEI MUITO TRISTE E CHORAVA MUITO ,FUI CONSOLADA PELA MINHA MAE QUE ESTAVA LA , FUI AO NICROTERIO AO VELA NA QUELA MESA FOI MUITO TRISTE TAO PEQUENA E NAO PUDE FAZER NADA MAS CEI QUE ELA ESTA NUM LUGAR OTIMO NOS BRAÇOS DE DEUS NUNCA SE ESQUEÇA MINHA PEQUENA ANJINHA EU TE AMO POR TODA A ETERNIDADE E SEMPRE OLHAI POR MIM MINHA PEQUENA ...

    ResponderExcluir
  35. obrigado Cecylia e Daniela, sei que ´r duro ams cada data importante vem alembrança dele e ver meu outro menino de 5 anos brincar ir pra esocla a ate dormir falarq ue o irmaozinho Lucio ta com ele , dói pq sinto que ele sente falta. mas obrigado de coraçao pela força e apoio.Ainda nao estou bem mas estou tentando me levantar pois tenho minha esposa e o outro menino pra cuidar. fiquem com Deus.

    ResponderExcluir
  36. Oi meu nome e Patricia tenho 30 anos sou casada a cinco anos eu tenho um filho de 14 anos e meu esposo tem um filho de 13 anos. Mais no ano passado resolvemos que teriamos um filho e ai eu engravidei no mes de agosto de 2010, foi uma gravidez linda e muito abencoada eu estava gravida de um lindo menino o meu anjo Filipi, no dia de seu nascimento com 40 semanas eu comecei a sentir as contracoes pela manha e corri para o hospital a medica disse que eu estava somente com um dedo de dilatacao e disse que eu podia retornar para casa pois ainda iria demorar para o meu Lipi nascer, pois entao eu voltei para casa e nao deu outra por volta das 18:00 horas nao estava aguentando de dor e retornei para o hospital,, para minha surpresa e estava apenas com dois dedos de dilatacao, entao uma outra medica me sugiriu a Cesaria e eu aceitei na mesma hora, enquanto eu me preparava para a cirurgia a enfermeira veio fazer o exame para ouvir o coracao do meu bebe, e foi nessa hora que eu vi meu chao se abrindo pois o coracao do meu bebe nao estava mais batendo, a enfermeira rapidamente chamou os medicos e os mesmo tentaram localizar o coracaozinho e nao achou, mais do que rapidamente ela me levou para cirurgia, mais infelizmente nao havia mais tempo meu Lipi ja havia indo embora tentaram de todas as formas reanima-lo mais nao teve jeito, os medicos diseram que foi morte (intra- uterina).
    Meu anjo nasceu com 4kg e 200gr e com 50 centimetros, era lindo,lindo.
    A noticia acabou com a alegria de todos meu esposo e eu nao sabiamos o que fazer ficamos pensando porque? tentando achar culpados! Ate hoje é dificil chegar perto de uma gravida e ver outro bebe nao é facil as lagrimas sao naturalmente. Ele morreu no dia 18/05/2011 hoje nao faz nem tres meses que meu anjinho esta com Deus, nossa ele me faz tanta falta, quantos planos fizemos o quartinho dele ainda tem algumas coisas dele nao consegui desfazer, parece que se eu mudar o quarto eu vou estar esquecendo dele e nao é isso que eu quero, os medicos dizem que eu so posso engravidar depois de 6 meses ou 1 ano,,por favor me ajudem a lidar com isso.

    Muito obrigada pelo espaco para expor o que estou sentindo.

    Fiquem com Deus

    ResponderExcluir
  37. Oi Patrícia, sinto muito pelo Filipe.
    Neste momento de dor, muitas são as perguntas sem respostas entendo você amiga como ninguém, pois um turbilhão de sentimentos invadem o nosso ser.
    Ficamos procurando um culpado realmente para justificar a morte de nossos bebes, mas o que a gente esquece é que tudo acontece com a permissão de Deus, pois não cai uma folha da árvore sem que Ele permita e se Ele levou seu anjinho, tenha certeza amiga de que era necessário, por mais que a gente não goste e não aceite Deus tem um propósito em todas as coisas, Ele só quer o nosso bem.
    O mesmo Deus que levou nossos anjos, também é o mesmo que pode enviar outro anjinho para confortar seu coração. Nossos bebezinhos jamais serão esquecidos ou substituídos, pois eles eram únicos e com certeza eram muito especiais para ficar neste mundo.
    Abra seu coração e deixe Deus cuidar de você, pois só Ele pode amenizar a sua dor.
    Sinta-se abraçada por mim.
    Cecylia

    ResponderExcluir
  38. oi Patricia,meu nome é Elisabete e como vc também perdi meu amado Vitor dia 18/01/11.Eu sei não é fácil,pois a cada dia pensamos o pq,mas somente DEUS sabe o motivo.Nessa hora o que nos traz um pouco de conforto,é pensar que eles estão com nosso pai que é o criador de tudo e todos.DEUS é AMOR,e isso alimenta minha alma e o meu coração,espero que ele conforte vc também.Fica com DEUS e muita FORÇA.

    ResponderExcluir
  39. Patrícia , todas nós mães de anjos podemos sentir a dimensão da sua dor...
    Eu passei essa mesma dor a quase 5 meses atrás; tive também um lindo menino , um bebe muito amado e desejado...
    Meu caso é muito parecido com o seu. Tive uma gravidez abençoada, super tranquila , mas quando entrei nas 40 semanas de gestação minha pressão que era sempre baixa, começou a subir. Foi então que fui para maternidade já com 3 centrímetros de dilatação . Fiquei internada por 16 horas , até ter o meu bebe de parto normal.
    Ele era um lindo menino , grande mesmo; mas para minha tristeza nasceu com insuficiencia respiratória aguda, por ter ingerido líquido amniótico, e por consequencia teve uma hemorragia pulmonar; e foi a óbito 51 minutos após o nascimento.
    Quando soube que havia partido para junto de DEUS , meu mundo acabou ...
    Sou mãe de uma linda menina , graças a DEUS ; tenho um ótimo marido e uma família muito unida e solidária com a nossa dor, se assim não fosse, não sei se suportaria tamanha dor...
    Mas hoje perdí um pouco da minha alegria, um pedaço de mim se foi com o meu anjo. Sinto que nunca mais serei eu mesma...
    Tenho buscado em DEUS muita força, e a todo novo dia peço que o SENHOR me ajude a aceitar a sua vontade. Pois só ELE pode nos amparar e nos conformar .
    Rogo a DEUS que me conceda a benção de ser mãe de novo; e que acolha no seu REINO CELESTIAL o meu lindo anjo e todos os anjos do céu .
    Vivo na esperança de que um dia todas nós mães de anjos entenderemos os propósitos de DEUS para as nossas vidas e de nossos anjos.
    Sinta -se abraçada por mim com a paz de CRISTO em sua vida , amém.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI eu me chamo naiara li seu li seu depoimento e le me passou muita força ppoeque estou muito triste a dois meses perdi meu anjinho ela nasceu com uma cardiopatia no coraçao sinto que nunca mais serei feliz como antes pis tudo de mais valioso que tinha foi embora , peço a deus para que me de o privilegio de sr mae novamente para que eu possa sentir completa novamente sei que e o outro bebe nao sbstituir a marina mais sei que vai mi dar muitas algreis por isso peço a deus que me outro bebe,a marina minha filha foi uma guerreira ela viveu durante 16 dias passou por dias sirurgias graves mais infelismente ela nao resistiu e foi morar no ceu com deus sei que agora la nao esta sofrendo mais sinto muita saudade dela, e lendo esses depoimentos ta me passando muita força pis aqui posso desabafar e fala tudo que sinto, deus sei que o senhor nao me abandonou sei que a mainha bençao vai chegar espero um dia enteder o porque levou meu anjo marina amor da mamae eu nunca vou te esqueçer pois depois que voce chego eu conheci o melhor amor do mundo

      Excluir
  40. Olá a todos. Amanhã, minha filhinha completaria dois mses de vida. Tenho que voltar a trabalhar e seguir minha vida, mas não consigo. Todos os dias peço a Deus para morrer. Confesso que já pensei em tirar minha vida, mas lembro que se fizer isso não poderei ver minha filhinha. A dor é muito grande. Não sei o que faço!!!!!!
    Paula

    ResponderExcluir
  41. Oi Paula! Tb ja pensei varias vezes em tirar a minha vida. Minha Beatriz me deixou ha quatro meses e ja voltei a trabalhar! É horrivel! Meus colegas de trabalho me perguntando se estou bem e eu mentindo dizendo que sim! Queria que Deus tivesse me levado junto com ela. Mas se Ele nao quis assim é pq tem outros planos para nos. Confie em Deus! Sei que um dia, todas nós que somos mães de anjos,vamos reencontrar nossos anjinhos no céu! Basta crer! Abraços. Danny.Oi Paula! Tb ja pensei varias vezes em tirar a minha vida. Minha Beatriz me deixou ha quatro meses e ja voltei a trabalhar! É horrivel! Meus colegas de trabalho me perguntando se estou bem e eu mentindo dizendo que sim! Queria que Deus tivesse me levado junto com ela. Mas se Ele nao quis assim é pq tem outros planos para nos. Confie em Deus! Sei que um dia, todas nós que somos mães de anjos,vamos reencontrar nossos anjinhos no céu! Basta crer! Abraços. Danny.

    ResponderExcluir
  42. Oi Paula, sinto muito por sua filhinha.
    Realmente amiga, a dor é muito grande só Deus para nos confortar.
    Você disse uma coisa muito importante, muita mãe de anjo pensa que se entregando a sua dor, deixando de viver, e morrendo com seus bebes que irá se encontrar com eles. Mas não é o que acontece, pois ninguém tem o direito de tirar a própria vida, nem muito menos a do semelhante, Deus não deu esse direito para nós. O lugar onde nossos bebes estão é um lugar lindo onde somente os anjos podem estar, se cometêssemos tal desatino com certeza nunca nos encantaríamos com eles, pois não iríamos para o mesmo lugar que eles.
    Quanto a voltar a trabalhar os primeiros dias são péssimos mesmo, difícil de encarar as pessoas, não temos a menor vontade de dar satisfação a ninguém, mas a pergunta o que “aconteceu com seu bebe” é inevitável. Muitos vão preferir nem tocar no assunto, com medo de te deixar mais triste ainda, mas sempre tem os que gostam de tocar na ferida. Mas voltar ao trabalho vai te fazer muito bem, pois vai ocupar sua mente. Eu voltei há trabalhar um mês depois de ter perdido o meu bebe.
    Que Deus possa te confortar, assim como Ele tem me confortado a cada dia.
    Cecylia

    ResponderExcluir
  43. ola Paula,sei que não é fácil o que passamos neste momento,infelizmente por algum motivo não podemos ter nossos bebes aqui conosco.Também estou longe do meu amado e querido VITOR a oito meses,a saudade é imensa as vezes parece ser insuportável a distancia e a falta desse ser maravilhoso.Então quando isso acontece eu busco a DEUS pq sei que nossos bebes estão na sua casa,peço a ele que entregue ao meu Vitor todo meu amor e meu carinho,peço que ele possa receber esse amor e que ele fique feliz,pq a mamãe o ama muito.Sei que vc ama muito sua filhinha e é por ela também que vc deve ser forte,sabe eu trabalho em um hospital justo em um centro obstétrico,quando chegou a hora de voltar apos 4meses achei que não iria conseguir,chorava todos os dias pensando vai ser difícil,como vou ver os bebes nascendo,como vou dar banho,como conversar orientar as maes se eu nao tenho o meu FILHO,entao mais uma vez busquei a DEUS e pedi a ele somente FORÇA para continuar fazendo o que eu mais gostava na vida que é poder estar realizando o meu trabalho como técnica de enfermagem.Te falei tudo isso pq quero que vc não desista e resista, somos mães especiais,mesmo não querendo.Deus sabe de todas as coisas e esta do nosso lado sempre.FORÇA ABRAÇOS

    ResponderExcluir
  44. Rosana, mãe do anjinho IVANZINHO15 de setembro de 2011 20:28

    Deus olhando para a terra viu muitas mulheres que desejavam
    receber um anjo em sua vida e compadeceu-se delas...
    Enviou então vários anjinhos do céu. E disse:
    - Ide e alegrai estas mulheres na terra por algum tempo!
    Ao terminar esse tempo, voltem ao paraíso!
    Os anjos obedeceram com presteza e carinho a voz de Deus...
    e se empenharam nessa missão tão nobre e linda...
    Entretanto, um desses anjos se apaixonou por uma dessas mulheres ao dedicar-se à essa tarefa,
    descuidou-se e entregou-se de corpo e alma para aquela a quem deveria
    levar alegria e deu a essa mulher muito mais que Alegria...
    deu Amor de forma intensa e encantadora....
    tornando-a, a mulher mais feliz entre as mortais!
    Porém o prazo terminou e todos os anjinhos retornaram ao paraíso.
    E aquele anjinho apresentou-se com lágrimas à Deus e perguntou-lhe:
    - Porque o Senhor me trouxe de volta, se com isso iria fazer sofrer
    aquela mãezinha que tanto me amava.
    Eis que Deus respondeu-lhe:
    Ela sofrerá com certeza com lágrimas nos olhos e no coração a sua perda, mas com certeza terá aprendido para sempre a Força do Amor, da Humildade, da Compaixão, do amor ao próximo e saberá que Eu levei seu anjo, pois ele já tinha cumprido a sua missão na terra.
    Ela encontrará de novo a alegria de viver quando outro anjo habitar seu ventre.
    Consola-te anjinho mesmo não estando juntinho desta mãe!
    Pois teu amor viverá nela para sempre mesmo quando estiver amando outros filhos que virão, pois tu ensinaste o Amor eterno ...
    E essa era tua missão:
    "Fazer dela uma mulher especial escolhida entre muitas mulheres
    para ser Mãe de um Anjo!"

    ResponderExcluir
  45. Olá a todas as mães de anjos,pois sou uma tbm minha anjinha ALICE nasceu no dia 29/09/2011 e faleceu dia 01/10/2011.Sofro muito pela perda da minha anjinha, queria tanto ela aqui comigo ,mais sei que ela esta nos braços do SENHOR olhando por todos nós que a amamos.bjusss atodas vcs

    ResponderExcluir
  46. Oi! Meu nome é Bruna, tenho 24 anos, e ha 2 meses perdi meu primeiro filho, o anjo Pedro Henrique com 38 semanas. No dia 31/08, de madrugada, percebi que minha barriga havia endurecido, e o meu bebe parado de mexer, fiquei preocupada, e falei pro meu marido pra irmos ao hospital, liguei pra minha mae, dizendo o que tava acontecendo, e ela foi comigo, nao estava preocupada, pois tinha passado o dia bem. Fomos ao hospital perto da minha casa, fiquei uma hora esperando pra ser atendida,acabei sentindo mais dores, e resolvemos ir pra outro hospital. Foi Deus guiando nosso caminho, pois assim que chegamos no hospital, acabei ficando pior, foi quando a medica veio pra escutar o coração do meu bebe e viu que ele ja nao batia mais, dai emm diante, meu mundo acabou, estava com minha mae na sala, e meu esposo nao estava sabendo ainda de nada, estava ja com 3 dedos de dilatação, e começando a sentir as dores do parto, quando a medica estourou minha bolsa, o meu bebe tinha feito coco na bolsa. A medica disse que iria tentar o parto normal, mas passado alguns minutos, comecei a sangrar, e então tivemos que fazer uma cesariana. Nossa, a apartir deste momento, foi como eu tivesse morrido e voltei a vida. Tive uma hemorragia muito forte, perdi mutio sangue, e meu utero nao estava contendo, foi quando optaram em fazer a histerectomia subtotal(retirada do utero), pois senao eu iria morrer por sangramento. Ate ai, minha mae ja havia avisado meu marido, e alguns familiares. Bom, fiquei 15 dias internada, sendo 5 na uti e 10 na maternidade. Não vi meu bebe, e nao pude ir ao seu velorio,quem cuidou de tudo foi meu marido. Quando cheguei em ksa foi o pior, tudo estava preparado pra chegada dele sabe, as roupas o berço, tudo....chorava todos os dia, questionava o pq de estar acontecendo tudo isso comigo, nao bastava ter perdido o meu filho tao amado e esperado, saber que vc nao pode mais gerar, sentir o milagre da vida em vc e muito triste, frustante. To tentando me recuperar sabe, seguir a vida, mas as vezes é tao dificil seguir em frente. sinto tanta saudade do meu bebe, e saber que nao posso mais ter, me doi ainda mais, nao desejo a ninguem o que passei e to passando é mta dor. todos os dias penso no que passei, choro sozinha, sem ninguem ver, nao vejo graça nas coisas, as vezes acho que to bem, mais ai vem tudo a tona. Não sei explicar em palavras o turbilhao de sentimentos que me assolam, sei que me sinto cansada, triste, derrotada, e ate inutil, pois o melhor da vida eu perdi, tenho medo do meu casamento acabar, pois as vezes sou egoista na minha dor, desconto tudo no meu marido, ainda nao consegui voltar a vida sexual, pois tenho medo, nao me sinto preparada. Gente me sinto tao perdida sabe, quero ter forças pra superar, e isso me escapa por entre os dedos. Muitos dizem pra eu crer em Deus, senho das coisas impossiveis, pois se eu quero ter tanto ter um filho, Deus irá me dar, e podera ate ser gerado por mim, tento acreditar, mas as vezes é difici. No dia de finados, nao fui ao tumulo dele, me pego pensando se isso me faz ser uma pessoa má?. O que sei é que doi, doi demais, a saudade é muito grande, e o desejo de ter tido ele aqui comigo hoje, nos meu braços, chorando, amamentando é grande. Sei que ele em bem, mais uma florzinha no jardim do nosso Senhor, mais queria tanto ele comigo. Obrigada pro me escutar. Bj

    ResponderExcluir
  47. Oi Bruna, sinto muito pelo Pedro Henrique.
    Entendo como se sente amiga, também perdi o meu bebe com morte intra-uterina com 34 semanas, também não vi o meu bebe logo que fiz à cesárea. Assim como você eu questionei muito o porquê de tudo isto, mas essa resposta que queremos somente Deus pode nos dar.
    Se Deus não te levou junto com seu bebe, é porque sua missão ainda não terminou aqui na terra, e por mais triste que você se sinta, creia que os sonhos de Deus para sua vida são muito maiores do que você imagina. Dizem que Deus escreve certo por linhas tortas, mas na verdade Deus escreve certo por linhas certas, Ele nunca erra. E se Ele levou seu anjinho tenha certeza absoluta que era necessário, assim como Ele levou o meu Paulo Henrique e o de todas as mamães de anjos deste blog. Quanto a vida sexual, eu fiquei praticamente 4 meses sem deixar meu marido tocar em mim, pois o sexo lembrava o meu filho, neste momento seu marido precisa ser muito compreensivo e esperar o momento certo para você voltar a ativa. Diga para ele esperar mais um pouco, até que você esteja melhor, quem ama, espera. Não é fácil tudo o que você passou, mas a vida amiga, ainda continua e Deus ainda vai sorrir para você, mesmo que você não possa ter filhos gerados por você, ainda sim você pode ser mãe, pois mãe é a que cria a que dá amor, a que educa, e isto você pode fazer por uma criança, cuja mãe rejeitou.
    Eu estou pensando seriamente em adotar uma criança, pois mesmo tendo uma filha que hoje está com 11 anos, ainda sim ela me pede um irmãozinho. Não consegui engravidar novamente após a perda do meu bebe, mesmo tendo o útero mas não me revolto, pois sei que Deus sempre quer o nosso bem.
    Quanto a ir ao cemitério, o Pedro Henrique não está lá amiga, ele foi morar com Deus no exato momento em que seu coraçãozinho parou de bater, e um dia você o encontrará novamente no céu aí saberá por que ele teve que partir tão cedo. Já fui algumas vezes onde foi enterrado o meu bebe, mas sinto que ele não está lá, mesmo porque a bíblia diz que somos pó e ao pó retornaremos, e o espírito volta para Deus.
    Que Deus possa te confortar assim como Ele tem me confortado a cada dia.
    Cecylia

    ResponderExcluir
  48. Perdi meu anjinho aínda nem fez um mes to sofrendo muito ao completar 26semanas o kawã nasceu c 715gm d parto normal escutei ele chora mas n vi foi uma emoçao maravilhosa meu 1filho ele viveu 6horas e faleceu meu mundõ desabou sete anos tentando p ele ir embora assim to sofrendo muito me ajudem n sei o q fazer

    ResponderExcluir
  49. Ola,chamo me Beatriz e sou portuguesa e em setembro de 2011 o dia que seria um dos mais felizes da minha vida,,tornou se o mais triste.
    Após uma gravidez inesperada,nao programada descobri k em março estava gravida de 12 semanas,,com 36 anos,um filhote ja com 15 anos e eu sem trabalho,fiquei um pouco assustada mas depois a ideia de voltar a ter uma coisinha tao fofa nas nossas vidas,dissipou o resto.
    Como eu disse no dia 25 de setembro o Duarte resolveu nascer e resolveu bem porque sendo eu diabetica nao poderia passar das 39 semanas,,,mas ao fim de tentar um parto normal sem sucesso,,partimos para cesariana,,ouvindo sempre o coraçao a bater,,,ainda hoje nao sei porque(ainda aguardo os resultados da autopsia)mas assim k saiu de mim o Duartedeixou de respirar pra sempre,,mesmo depois de 45min de reanimaçao,,foi horrivel,,o meu mundo desabou,pensei logo no meu filho e no meu marido,no quanto tinham sofrido ao saber da noticia.
    Foi muito mau pensar k tanta gente k nao liga á gravidez,como um caso k conheço em k quase todos os bebes foram gerados no alcool,nas drogas,nem sequer desejam os filhos,,,como é possivel uma mae achar k deus fez o melhor,,,ainda é recente e por isso ainda nao consigo entender bem isso,,,obrigada pelo blogg,,,bjnhs,,Bea

    ResponderExcluir
  50. Oi Bea sinto muito pelo Duarte.
    Realmente é muito difícil de entender o porquê de tudo isto, também já me revoltei muito ao ver nos noticiários de TV, mulheres drogadas, alcoolizadas abandonando seus bebes a própria sorte, parece injusto tudo o que acontece com a gente, mas na verdade elas não têm culpa por termos perdido nossos filhos. Acredito que todos nós temos uma missão neste mundo, e a nossa missão era a de gerar anjos, e Deus só escolhe mulheres especiais para esta missão, pois era só este tempinho que nossos bebes precisavam ao nosso lado, pois eles eram seres puros que não precisavam passar uma vida inteira neste mundo para evoluir, um dia você vai entender o porquê de tudo Isto e com certeza dará razão para Deus. Também já briguei muito com Deus, queria muito o meu bebe comigo, mas hoje entendo que Ele não quer o nosso mal, e se Ele levou o meu bebe é porque era necessário, nenhuma mãe deste mundo vai achar que Deus fez o melhor em levar o seu bebe, se eu pudesse escolher, estaria com meu filhinho do meu lado, mas os planos de Deus para a nossa vida foram outros, fico imaginando se meu filho tivesse nascido, e não tivesse saúde para brincar, para correr, e se ele ficasse preso a uma cama em um hospital sofreríamos os dois, pois que mãe quer ter seu filho ao seu lado mesmo sofrendo? Seria egoísmo demais. No céu nossos anjos voam livres, e olham por nós.
    Tem um site português muito interessante, caso você queria fazer uma visita acho que vai te ajudar bastante é da Manuela Pontes . http://projectoartemis.blogs.sapo.pt/
    Que Deus possa te confortar assim como Ele tem me confortado a cada dia.
    Cecylia

    ResponderExcluir
  51. Ana Paula
    oi meu nome é ana paula tenho 24 anos, eu tambem perdi minha filha maria vitória de 38 semanas, fez um ano que ela faleceu, e sinto muita falta dela,quando eu descobri que estava gravida eu e meu esposo ficamos muito feliz,com tres meses de gestação fiz o primeiro ultrason, quando eu ouvi o coracão dela bater fiquei muito feleiz em saber que eu estava gerando um princesinha, quando eu estava te 5 meses o médico pediu outro ultrason, quando descobriu que o bebe não tinha os rins,quando ouvi o diagnostico dos médicos me desesperei chorei muito e ainda choro a perda da minha filha maria vitória, ainda não me conformei a perda dela tive que levar a minha gestação até o fim,mesmo sabendo que ela não ei sobreviver, mas ela acabou falecendo antes de completar os 9 meses, nossa foi muito triste,tento me conformar mas esta muito dificil para mim pois eu queria tanto ter um filho e quero ainda mas não sei se tenho coragen para engravidar tenho muito medo de acontecer a mesma coisa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também perdi mimnha bebe maria eduarda de 40 semanas por erro medico faleceu n dia 26/10/2011 e retiraram ela no dia 27/10/2011 estou tentando sbreviver ela era td que sonhei .
      Mas olho p tras e vejo que tenho dois filhos que dependen de mim um de9 anos e 6 leandro e david.
      tomo anti depreessivo as vezes me falta força p levantar da cama. sei bem o que esta sentindo .]também morro de medo de no futuro quem sabe pensar em engravida tenho muito medo . meu nome e vanessa tenho 31 anos estou casada desde os 19 anos .

      Excluir
  52. oi meu nome é cris tenho 33 anos,eu tambem perdi meu bebe q estava com 8 semanas,estou muito triste pois so faz 8 dias q aconteceu isso comigo,foi minha primeira gravidez.sinto uma dor q ñ desejo pra ninguem,+ tenho fé q um dia deus vai mim dar essa graça de ser mãe.

    ResponderExcluir
  53. Meu nome é Fabrícia e no dia 23 de março de 2012, perdi meu anjinho Igor, estava com cinco meses de gestação, 23 semanas estava tudo bem até que as 04h00min horas da manhã me acordei com uma dor horrível e meu marido me levou para a Maternidade, cheguei lá fui informada que meu útero estava aberto e que provavelmente se abriu na décima quarta semana e a bolsa tinha rompido e eu estava em trabalho de parto e que meu bebê não iria sobre viver, pois era muito pequeno, na hora meu chão se ruiu, olhei para meu marido que estava desesperado e não pude acreditar no que eu ouvia, fiz três ultrassom e nenhum acusou o problema, então as 08:10min meu anjinho nasceu lindo e perfeito só faltava ganhar peso e veio a falecer trinta minutos depois é uma dor imensa e não sei como explicar ... Ainda bem que DEUS me deu um filho lindo Thiago de nove anos e meu Marido maravilhoso que esta sempre comigo me apoiando e me dando força. Espero que Deus não se esqueça de nós e abençoe a minha família com um bebê lindo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu nome é Fabrícia e achei por um acaso este Blog, pois queria achar algo em que acalmasse meu coração e estou aqui neste momento para contar sobre a minha perda, perdi meu filho Igor no dia 23 de março de 2012, nasceu meu bebê, de apenas cinco meses de gestação 23 semanas, estava tudo bem até que as 04h00min horas da manhã me acordei com uma dor horrível e meu marido me levou para a Maternidade, cheguei lá fui informada que meu útero estava aberto e que provavelmente se abriu na décima quarta semana e a bolsa tinha rompido e eu estava em trabalho de parto e que meu bebê não iria sobre viver, pois era muito pequeno, na hora meu chão se ruiu, olhei para meu marido que estava desesperado e não pude acreditar no que eu ouvia, fiz três ultrassom e nenhum acusou o problema, então as 08:10min meu anjinho nasceu lindo e perfeito e pesando 470 gramas e com 27 centímetros,mas infelizmente ele não resistiu, pois seu pulmãozinho não estava totalmente formado.
      Com apenas 30 minutos de vida ele partiu deixando em mim um vazio muito grande que nada é capaz de preencher.
      Sinto tanto sua falta!!!!Eu o amo muito e cada dia que passa a falta é maior, não pude pegá-lo no colo, não pude ouvir seu choro e tão menos ainda ver seu sorriso. Durante cinco meses de gestação ele esteve comigo fez parte de mim , hoje ele é um lindo anjinho que tenho no céu.É impossível esquece – lo .Sei que ele está bem,mas sinto muita a sua falta.
      Ainda bem que DEUS me deu um filho lindo Thiago de nove anos e um Marido maravilhoso que esta sempre comigo me apoiando e me dando força. Espero que Deus não se esqueça de nós e abençoe a minha família com um bebê lindo...

      Excluir
    2. Ola meninas sou a laiana sou casada tenhu 18 anos e sou mais uma mamae que perdi meu anjinho (KAUÃ) hj faz 1 mes e 11 dias...vou contar a minha historia pra vcs...Estava gravida de 5 meses quando fui pro hospital no dia 17/02/2012
      numa consulta di rotina so que chegando la comecei a falar com a minha medica a respeito do que andava sentindo, dores na barriga logo foi me examina e me mandou pro hospital HC com urgencia pois estava com 3 dedos dilatados fiquei internada com repouso absoluto nao podia nem levanda pra sentar pois o colo do meu utero se rompeu e a qualquer momento poderia romper a bolsa entao tive q ficar em repouso durante esses 7 dias ate q comecei a ter muito sangramento e comecei a ter logo contraçao ja estava com tds os dedos dilatados ai os medicos induziram o parto pois nao dava pra fazer a cerclagem pois a bolsa estava muito pra fora tive o meu bebezinho no dia 24 de fevereiro as 4 horas da manha ele ficou vivo ate as 10:00 horas nasceu com 360 grama.Tive que ficar no hospital mas 3 dias pois estava com infecçao no utero mas tomei a medicaçao e ocorreu tudo bem.hj meu coraçao esta muito triste ainda pois era a minha primeira gestaçao e eu desejava di mais mas sei que onde meu anjinho esta sera muito melhor....
      .Kauã Não devias ter ido embora tão cedo.
      Devias ter ficado para melhorar este pedaço de chão.
      Devias estar cá para tentar mudar este mundo imundo,impuro e indigno de ti.
      Eu sei que lutaste até ao último momento,
      e que não dependeu de ti a partida,
      mas foste embora cedo demais,
      Principe Kaua a Mae e o Pai vai te amar eternamente.
      fica com deus meu filho os anjos cuidaram de voce...
      Obrigada Cecylia por este blog adorei pois tem acalmado meu coraçao.

      Excluir
  54. Olá meu nome é jhenniffer tenho 23 anos.
    É triste contar nossa perca e como doí, é dor constante diária e que não apaga jamais.
    Eu estava com 28 semanas de gestação tive deslocamento prematuro da placenta, quando cheguei ao hospital eu já estava com oito dedos de dilatação, naquele momento meu filho já ia nascer, e sabendo que ali na minha cidade não tem UTI NEONATAL eu fiquei com tanto medo.
    Ele nasceu pesando 1,900 e 41 cm, assim que ele nasceu me deixaram vê-lo, naquele momento fui maravilhoso eu achava que meu filho iria sobreviver, ele me olhava e tentava me procurar ao escutar minha voz com seus olhinhos.
    Após duas horas e meia veio a noticia, meu filho morreu tentando, mas não resistiu teve parada cardíaca respiratória não conseguiram nenhuma vaga em nenhum hospital para meu filhinho, eu não conformada pedi que me trouxesse ele para min ver se realmente estava morto, ao chegar com ele no quarto o peguei nos braços e achei que ali estava dormindo, mas quando encostei seu rosto ao meu era um gelado mais um gelado de dor que ali eu chorava e não queria solta-lo, pegaram ele a força de min e o levaram embora o meu João Vitor. Após algum tempo eu fiz um blog para tentar me distrair se você quiser conhecer estar ai, eu desejo a toda mães que perderam seus filhos um forte abraço e nunca se esqueça de deus, pois ele nunca se esquece de você.
    http://tudosobregravidez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  55. Depois de anos tentando engravidar descobri que tinha as 2 trompas obstruídas, endometriose em 1 ovário, no intestino e na bexiga, fiquei desesperada não podia ter filhos, dai descobri a FIV, fiz coloquei 2 embriões e congelei 4, engravidei de apenas 1, fiquei muito feliz em saber que ia finalmente ser mãe, fiz a morfológica meu bebê estava ótimo, mas com 17 semanas e 3 dias perdi ele, 1 dia antes de perder está ótima feliz, no dia seguinte acordei de madrugada e meu útero abriu por completo e meu bebê saiu, fui na emergência fiquei sentindo contrações da madrugada até as 17 da tarde, quando tive ele de parto normal, descobri que era um menino, a medica que me atendeu disse que na próxima gravidez tenho que fazer uma cerclagem, nem sabia que isso existia, hoje vou passar o dia das mães sem ele, estou sofrendo muito e choro todos os dias, agora espero o resultado dos exames do meu bebê e eu fazer alguns também, esperar passar esse resguardo para poder fazer outra fiv com os embriões congelados, tenho fé em Deus que ele vai trazer meu bebê de volta para mim e que dessa vez vai dar tudo certo, temos que ter fé todas nós que Deus está vendo nosso sofrimento e vai dar nossa recompensa, nossos bebês de volta, temos que acreditar. Que Deus olhe por todas nós e tenha piedade. Quem quiser saber mais sobre a cerclagem entra nesse site: http://www.cerclagem.com.br/

    ResponderExcluir
  56. Boa noite Mamães e desde já um Feliz Dia Das Mães a todas.
    Me chamo Juliana tenho 22 anos sou casada com Rodrigo sou a mamãe da Ana Júlia que não cheguei a pegar nos braços, mas que amo incondicionalmente.

    Gostaria de contar um pouco do que estou passando pra ver se ameniza um pouco essa dor insuportável.
    Minha historia começa no dia 08 de fevereiro qnd descobri que estava gravida de 1º mês, depois de ter passado por problemas familiares recebi essa maravilhosa noticia.
    Foi o dia mais feliz da minha vida e do meu esposo tbm que almejava tanto ser pai.
    Minha gestação estava indo bem, estava fazendo o pré natal, meus exames estavam todos normais ate as 23:00 da noite de 08 de maio de 2012, o dia mais triste para mim.
    Estava deitada qnd senti escorrer um liquido em cima da cama, mas com uma intensidade enorme que imaginei que fosse xixi, mas que na verdade era meu liquido aminiotico.
    Fiquei desesperada, meu esposo mais ainda com aquela situação, qnd então corremos para um pronto socorro mais proximo da nossa casa e ao chegar lá a medica me examinou e disse que o coração do meu bebê nao batia e o liquido permanecia a escorrer e entao ela achou melhor que fosse transferida pra outra unidade onde eu seria melhor assistida.
    E assim foi feito mais ao chegar lá o medico me examinou e disse que tbm não ouvia o coração da minha linda e achou melhor me internar pra que fosse feita uma ultra pra avaliar melhor meu quadro, entao passei a noite e a manha seguinte quando por volta das 10:30 do dia 09 de maio fui fazer a ultra e minha pequena estava viva, porém meu colo do utero estava totalmente aberto e as chances dela sobreviver era minina, mas que havia chance ainda.
    Então como na nossa cidade não tinha recursos pra isso viajamos 200km ate uma unidade da especialidade em gravidez de alto risco e ao chegar lá fui surpreendida com a má noticia de que minha pequena ja estava chegando a minha vagina e que nao havia mais chance, nossa aquela noticia pra mim foi a pior ate as horas seguintes que passei pra minha pequena sair por completa.
    Foram 10 horas sentindo dor, ao lado de mulheres que estavam dando a luz aos seu bebês e poderiam carrega-los nos braços e eu estava ali pra tirar minha pequena sem ao menos vê-la.
    Foi o dia mais dificil da minha vida e esta sendo ainda, pois nossa Julia estava sendo tão esperada, tão amada, seria nossa primeira filha e primeira neta dos meus sogros, mas Papai do Céu pediu que ela fosse ficar ao lado dele mais a dor é grande.
    Agradeço ao seu blog por esta me dando a oportunidade de desabafar um pouco e ver historias como a minha e de mulheres que superaram e tiveram outros lindos bebês.
    Que todas que passaram ou estao passando por essa dor possa superar a perda.
    Sei que minha princesa esta la em cima olhando por mim e que um dia vou encontra-la.
    Um enorme beijo

    ResponderExcluir
  57. bom, achei um espaço para me confortar... perdi meu João Carlos a 2 meses, tive um convulsão aos 7 meses de gestação, ele nasceu pesando 930 gramas,era para mim o bebê mais lindo do mundo, ficou na UTI duarante 16 dias e infelizmente teve uma parada cardíaca e não resistiu. O mundo parou para mim, era para mim e meu noivo o primeiro bebê e para meus pais o primeiro netinho e estava sendo muito esperado, compramos tudo com muito carinho e amor, estavámos muito empolgados. Foi uma perda muito grande para mim e estava tão apegada. Na minha gestação conversava com ele, colocava musiquinhas para ele ouvir, fazia carinhos na minha barriga, até hj me pego pegando na barriga. Estou sofrendo muito com esta perda, mas acredito que Deus tem propósitos e que meu João Carlos esta ao lado de Deus e que vamos nos encontrar um dia. Eu o amo infinitamente e penso nele todos o dias, sei que é um anjinho e que esta me protegendo. Quando a saudade não cabe no peito eu choro, choro muito. É quando eu me pego mais ainda com Deus e peço para que cuide do meu anjinho, pq ele foi a coisa mais maravilhosa que me aconteceu e eu o amo muito!!!

    ResponderExcluir
  58. Olá,achei que não fosse conseguir contar minha história, mas o melhor é se apegar a Deus... tudo começou dia 10/10/11 descobri que estava grávida, nossa quanta emoção chorei muito nos braços do meu marido. comecei o pré-natal,estava indo tudo bem, comprei as roupinhas com muito amor, ia fazer meu book, e o último dia 19 seria o chá de fralsda da minha princesa.... JÙLIA... que felicidade quando soube que seria uma menina. até ai tudo bem dia 02/05/12 fui ao médico pedir uma eco que ele havia esquecido de me dar na última consulta, chegando verificaram minha pressão estava 20 por 12 e havia inchado muito, na hora o doutor me internou eu estava com pre-eclampsia... mas não sentia nada dor nenhuma e isso que parte meu coração, se sentisse alguma dor talvez salvaria minha princesa.. a pressão não baixava no sábado senti uma dor na barriga as enfrmeiras me disseram que era contração meu querido médico disse que era gases estava de 30 semanas no domingo fui para outro hospital que tinha uti neo-natal cheguei lá no domingo as 17:00 conseguiram controlar minha pressão ouviram o coraçãozinho dela tudo normal... as 00:30 eu ouvi o coração da minha pwequena pela última vez e não sabia.... na segunda dia 07/05/12 as10 da manhã os médicos foram na quarto para verificar minha pressã e ouvir o coração dela não conseguiram achar meu Deus que dor e eles não me falavam nada o que tava acontecendo me levaram fazer uma eco de urgencia.. foi constatado munha princesa estava morta.... nossa que dor.. eu e meu marido choramos muito. muito... tive que fazer uma cesária pois a pressão muito alta fez com que eu tivesse um descolamento de placenta, dai ela estava de atravessada na minha barriga,,, nossa que dor hoje faz 15 dias que a minha anjinha foi morar com deus esta muito dificil viver assim sem ela, eu ainda choro muito, é um vazio no peito uma raiva de tudo do médico pricipalmente, até mesmo de Deus.. porque porque tirar ela de mim assimsei que Deus tem planos para nós mas até cair a ficha é muito dificil aceitar.... mas sei que a minha JULINHA esta muito bem cuidada bem protegida onde ela esta pertinho de DEUS... fica com Deus minha linda amada a mamãe nãe pode se despedir de voce nem sequer pude te dar um beijo muito menos te pegar no colo anjinha, mas saiba que a mamãe e o papai te amam muito nunca jamais vão te esquecer, fica com deus...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossos anjos estão morando juntos e um dia iremos encontra-los.

      Deus ainda vai te dar outra benção!!!

      Excluir
  59. oi meu nome é thais tenho 20 anos e faz 4 dias que perdi minha princesinha ... sinto uma dor enorme e sinto que essa dor nao vai passar nunca, estava gravida de 22 semanas .. no dia 31-05-12 senti uma peqena dor nas costas maais logo passou , depois de um tempo comecou uma dor forte na barriga e corri para o hospital .. chegando la so tinha uma enfermeira ela escutou o coracaozinho e estaava tdo beem só que logo depois disso comecei a perder sangue .. tomei remedios , injecao e la fiquei internada com mtas contracoes quando foi 5 hrs da manha nao aguentando mais de tanta dor ela nasceu taao pequenina e ainda viva ficou ali cmg por volta de meia hora e sem ninguem fazer nada sem medicos ....e eu ali com a mao nela so chorando e sem pode faze naada ..chegou uma enfermeira enrrolou ela em um paninho ainda viva e disse que tinha que levar .. pra mim simplesmente ela matou minha princesa , sei que ela nao teria mtas chances se sobreviver mais o que me revolta é saber que ninguem fez nada ....e depois ainda ver a minha princesinha Sofia dentro de um caixaozinho sendo carregada pelo meu esposo ... tento nao ficar mal maais ta mtu dificil .. maais sei que ela esta em um lugar otimo .. e eu sou uma mulher especial escolhida entre mtas mulheres para ser mae de um anjo :S

    ResponderExcluir
  60. ola meu nome é josy, tenho 24 anos, no dia 26 de agosto eu engravidei nesse dia com fé antes de meu marido e eu ter relaçao pedimos a Deus que nos abençoasse para que pudesse nesse dia conceber um filho, entregamos o momento a Deus, e Deus nos abençoou no dia 26 de setembro fui ao medico estava gravida de exatas 4 semanas, tive uma gravidez otima nunca senti nada, me sentia a mulher mais feliz do mundo meu filho Miguel cada dia crescendo mais e me fazendo mais e mais feliz, no dia 12 de abril fiz pre natal, meu filho tava otimo,saudavel, perfeito pesava 2.400 faltava 6 semanas pra ele nascer, minha saude tbm estava perfeita. Dois dias depois no sabado a tarde me deitei agradeci a Deus pela vida do meu filho, orei, pedi que meu anjinho fosse especial pra Deus tando quanto era pra mim.Adormeci e quando acordei percebi que naquele dia ele nao tinha se mexido, mas ate ai tudo bem ele so estave quetinho, anoite fui ao medico, sem nem passar pela minha cabeça nada de errado, mas ja tinha chegado a hora que durante oito meses Deus preparou, a hora do Adeus. Meu filho amado ja tinha partido,sem mim.Fiz cezaria no dia seguinte com tanta esperança que meu bebe nascesse vivo, mas essa nao era a vantade de Deus. Meu filho morreu sem motivo algum, simplesmente se foi tao serenamente quanto veio. Graças a Deus pude ve-lo tem o rostinho do papai, e lindo como um anjo. Sei que um dia vou te-lo em meus braços. Doi muito e nao tem nada que descreva isso, hj tenho que ver começando tudo de novo, tentando engravidar. Mas aceito a vontade de Deus pois ele nao faz nada pra gente sofrer, privilegiada a mulher que gera um ANJO pra Deus, somos todas privilegiada e escolhida a dedo por Deus, somos tao especial quanto nossos filhos. Pelo menos tenho certeza que meu filho esta feliz, seu corpinho morreu mas sua alminha esta viva, seu corpinho nao esta nos meus braços mas sua alminha pra sempre estará do meu lado. Nao posso ve-lo mas o sinto todos os dias em meu coraçao...Miguel EU TE AMOOOOO. SER MÃE É ASSIM, VIVER PRA TER OUTRO FILHO NOS BRAÇOS E MORRER PRA REECONTRAR O FILHO QUE SE FOI...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida josy
      Também perdi meu bebe Davi com 37 semanas de
      gestação, tive um descolamento de placenta.
      Espero que nossos anjos saibam que foram muito amados e esperados mas Deus o amou mais ainda que nós e por isso escolheu-os e os transferiu para junto dele, tirou-os desse mundo cheio de maldade, sei que lá estão seguros e felizes aguardando a nosso encontro pra junto deles.
      beijos
      Roseméri

      Excluir
  61. Olá, Meu nome é Giane e perdi minha princesa de 10 dias de vida, era um bebe lindo, porém tinha um problema no coração, uma veia muito fininha que não bombeava sangue para o restando do corpinho,ela fez uma valvoplastia para colocar um estensor e dilatar essa veia, a cirurgia foi um sucesso, mais 4 horas depois ela teve um mal subito e não resistiu, antes dessa cirurgia fiquei com ela por 5 dias no quardo,amamentei dei banho e a amei muito... Estou arrasada!! amo muito minha florzinha que agora esta com Deus!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Angelina Nasceu dia 15/06/2012 e faleceu dia 25/06/2012, Meu coração está em pedaços...

      Excluir
    2. Ola!! Venho com muita alegria contar que estou grávida!!

      Excluir
  62. Oi pessoal eu queria deixar meu depoimento...
    Há mais ou menos 2 anos atrás eu estava grávida, porém nunca desejei aquela criança... não amava o pai daquele bebê, e confesso que tentei tira-ló, eu não suportava o fato de ter aquela vida crescendo dentro de mim, eu passei a odiar o mundo e todos ao meu redor, não confessei a gravidez para nimguém somente para o pai... e um dia qualquer eu perdir aquela criança... foi a pior cena da minha vida!!! eu não consigo me perdoar por não ter amado aquela vida que crescia dentro de mim... e por nunca ter se quer feito uma caricia e por não me sentir a mãe daquele bebê... eu sofro e a culpa não me deixa em paz, já pedi perdão para Deus mas não sei se algum dia ele vai me perdoar e nem o meu anjinho... Hoje eu tenho vontade de ter um filho mas tenho medo do castigo divino e nunca mais poder ter meu filho!!! eu choro ao lembrar de tudo que fiz a ele... e me sinto um monstro. isso me faz muito mal todos os dias!!! A culpa é o meu pior castigo!

    ResponderExcluir
  63. OI PESSOAL,HOJE ACORDEI MUITO TRISTE,FUI PARA O TRABALHO DIRIGINDO E CHORANDO MUITO DE SAUDADES DO MEU PEDRO,NO PROXIMO DOMINGO FAZEM DOIS MESES QUE ELE SE FOI,ESTOU TENTANDO SEGUIR A VIDA MAS NÃO ACHO GRAÇA EM MAIS NADA,SO´TRABALHO E CUIDO DA CASA.NÃO TENHO VIDA SOCIAL,ME AFASTEI ATE DA FAMILIA.QUERIA MUITO PODER TER MEU PRINCIPE COMIGO,ELE SO VIVEU 14 HORAS,NÃO PUDE AO MENOS AMAMENTA-LO,NEM CHEGUEI A VÊ-LO ACORDADO,O POUCO TEMPO QUE FIQUEI COM ELE NO CTI NEO,ELE ESTAVA MUITO CANSADO E COM OS OLHINHOS FECHADOS TODO TEMPO.COMO PODEMOS SENTIR SAUDADES DE COISAS QUE NÃO VIVEMOS?

    ResponderExcluir
  64. Olá meu nome é Andreza tenho 29 anos e sou casada há 4 anos.Nosso sonho sempre foi ter um bebe,em 2010 engravidei mais com 3 meses perdi meu bebe pois ele não estava desenvolvendo.Sofri muito mais não podia saber q sofreria ainda mais...Depois de 7 meses tentando engravidar em março descobri que estava gravida a nossa felicidade era tanta q não cabia no nosso coração.Comecei o pre natal até então tudo normal só q não conseguia relaxar sempre estava com medo de perder meu bebe não via a hora de fazer a moorfologica para saber se estava tudo bem com meu anjo.Aos 4 meses descobri q era um menino o Vinicius fiquei muito feliz e planejando como seria o quartinho e o enxoval.Pensei q depois q fizesse a morfologica ficaria tranquila e iria so curtir a gravidez,mas aos 5 meses qdo fui fazer a morfologica o medico disse q não estava conseguindo avaliar a face do meu bebe pq ele se mexia muito,já começei a ficar preocupada ele pediu q voltasse depois de 15 dias estava angustiada parecia q já sabia o q viria pela frente...Dia 26/07 retornei tinha até combinado com meu marido q depois do medico iriamos comprar o enxoval seria um dia muito feliz mais não foi tive a pior noticia descobri q meu bebe tava com varias mal formaçóes.Não queria acreditar marquei com um especialista e ele me disse q tava preocupado pois talvez meu bebe não sobreviveria.Descobri q meu bebe tinha sindrome de Edwards e não sobreviveria meu mundo acabou e vivemos quase 2 meses só eu e ele,só vivia por ele,só rezava pra ele,pedia a Deus que fizesse um milagre...mais dia 23/08 descobri q ele tinha partido tive q internar e induzir ao parto sofri por 5 dias no hospital até q ele nasceu não tive coragem de ver ele tinha muita mal formações sei q foi melhor assim pois ele sofreria muito dia 27 faz um mes q ele se foi e eu estou sofrendo muito.

    ResponderExcluir
  65. Oi, hoje faz 7 meses que meu Enzo me deixou, ele era tão lindo, ele nasceu com um problema chamado atresia de esôfago, passou por duas cirurgia,ainda ficou 19 dias na UTI, mais no 04 de março ele não aguentou mais e me deixou para sempre. foram os dias mais sofridos e ao mesmo tempo mais felizes, sofridos por ver ele sofre e não poder fazer nada, e feliz por ter ele comigo, beijar a mãozinha dele todos os dias ja me fortalecia.

    Elda

    ResponderExcluir
  66. OLÁ, MEU NOME É SABRINA, TENHO 24 ANOS E HOJE FAZ SETE DIAS QUE PERDI MINHA PEQUENA FLORZINHA ANA ALICE, TENHO BUSCADO RESPOSTAS PARA O QUE ACONTECEU COMIGO, O PORQUE DISSO COMIGO. VOU CONTAR UM POUCO DA MINHA HISTORIA, NO DIA 09 DE MAIO DESCOBRI QUE DEUS HAVIA ME PRESENTIADO COM UM BEBE, TUDO MUDOU NA MINHA VIDA E NA VIDA DO MEU ESPOSO, ESTAVAMOS TÃO CONTENTES COM O BEBE QUE MUITAS VEZES ESQUECEMOS DE NÓS MESMOS E PENSAVAMOS SOMENTE NA CRIANÇA QUE ESTAVA NO MEU VENTRE, ERA ALGO MÁGICO QUE NÃO TINHA EXPLICAÇÃO. FIZEMOS TODOS PRÉ NATAL CERTINHO, COM 12 SEMANAS DE GRAVIDEZ FOMOS FAZER A ULTRA PRA VER A TRANSLUCENCIA NUCAL E CONSTATOU UM HIGROMA CISTICO NA NUQUINHA DO BEBE E TAMBEM UM ACUMULO DE AGUA EM TODO SEU CORPINHO, FOMOS ENCAMINHADOS PARA UM ESPECIALISTA EM MEDICINA FETAL, CHEGANDO LÁ FIZEMOS MAIS EXAMES E TODO AQUELE DIAGNOSTICO FOI CONFIRMADO E ELE DEIXOU BEM CLARO QUE PROVAVELMENTE NOSSO BEBE NÃO CONSEGUIRA CHEGAR AOS NOVE MESES E PROVAVELMENTE NÓS O PERDERIAMOS. SEMPRE COM MUITA FÉ NUNCA DESISTIMOS DO PRESENTE QUE DEUS HAVIA NOS DADO, E ACREDITAVAMOS QUE O QUADRO PODERIA SER REVERTER, MAS NÃO FOI ISSO QUE ACONTECEU, FIZEMOS A MORFOLOGICA E TUDO HAVIA PIORADO E TAMBÉM CONSTATOU QUE UMA PARTE DO CEREBELO NÃO HAVIA SER FORMADO, E O CORAÇÃOZINHO JÁ ESTAVA SENDO COMPRIMIDO PELA HIDROPSIA FETAL, FOI UMA DOR MUITO GRANDE MAS AINDA TINHAMOS FÉ. SEMPRE ACOMPANHAVAMOS OS BATIMENTOS DELA PARA VER COMO ELA ESTAVA, NO DIA 18 OS BATIMENTOS TINHAM CAIDO, NO DIA 19 JÁ NÃO CONSEGUIMOS ESCUTAR O CORAÇÃOZINHO DELA, FOI COMO SE MEU CORAÇÃO TIVESSE PARADO JUNTO AO DELA NAQUELE DIA, UM VAZIO MUITO GRANDE NO CORAÇÃO E NA ALMA QUE NÃO CONSIGO EXPLICAR. FOMOS PARA A CLINICA VER MINHA MEDICA, CHEGANDO LÁ FIZEMOS UMA ULTRA PARA AVALIAR COMO ELA ESTAVA E REALMENTE NÃO TINHA MAIS BATIMENTOS. NO DIA 20 INICIAMOS A INDUÇÃO DO PARTO, FORAM MUITAS HORAS DE SOFRIMENTO 24 HR DE JEJUN E 13 HR DE TRABALHO DE PARTO, NÃO VI ANA ALICE, FOI MUITO TRISTE NÃO OUVIR O CHORO DA VIDA DELA, MAS SEI QUE ELA ESTÁ JUNTO AO PAI E QUE UM DIA TAMBÉM ESTAREI COM ELA E COM O PAI. QUANDO OLHO AS COISAS QUE COMPREI PRA ELA PARA QUE A VEJO NELAS E AS COISAS TEM O CHEIRINHO DELA, NÃO SEI EXPLICAR, MAS ESTÁ SENDO TUDO MUITO DIFICIL, TER UM RESGUARDO E NÃO TER UM BEBE, VER OS SEIOS CHEIOS DE LEITE E NÃO PODER AMAMENTAR UM BEBE, TER AMOR PARA DAR E NÃO TER UM BEBE PARA RECEBER. HOJE AINDA NÃO CONSIGO ENTENDER E ACEITAR OS PROPÓSITOS DE DEUS, MAS SEI SIMPLESMENTE QUE AS COISAS E DECISOES DO SENHOR SÃO DECISOES SABIAS E AS MELHORES PARA NÓS, NA HORA CERTA SABEREI E ENTENDEREI O PORQUE E O PARA QUE DE TUDO ISSO. ANA ALICE, MAMÃE VAI TE AMAR SEMPRE, FICA BEM QUE A MAMÃE VAI FICAR BEM AQUI, POR VOCE MEU AMOR SOMENTE POR VOCE. TE AMO... OBRIGADO SENHOR POR TUDO...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Força flor, Deus é contigo sem bem o que está sentido pois perdi minha filha apenas a 3 meses e não e facil.

      Excluir
  67. sou marienne castelucci e meu face eh esse com meu nome....tenho 24 anos a perdi meu filho de 1 ano e 8 meses fazem 15 dias;preciso de ajuda.....não aguento mais esta dor....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ti falo o mesmo a eduarda era a nossa alegria agora ficamos sem ela.

      Excluir
  68. perdi minha sobrinha faz 7 meses ela era como minha filha ela tinha 2 anos e 8 meses.

    ResponderExcluir
  69. Me chamo Priscila, tenho 30 anos.
    A 5 meses perdi meu príncipe, vou contar minha história.
    Demorei 3 meses para engravidar, meu marido sempre sonhou em ter um filho mas achava que esta estéril, quando engravidei (no mês de março de 2012) foi a maior festa, esse bebê era muito esperado.
    Minha gravidez foi ótima, não tive enjoo, só muito sono.Quando estava no 7º mês de gestação fui ao estúdio tirar as fotos de minha barriga para guardar de lembrança, quando estava saindo do estúdio fui ao banheiro e percebi um pequeno sangramento, meu médico estava de plantão no hospital e fui direto pra lá.
    Chegando lá fiz um Ultrassom e foi detectado insuficiência placentária, meu bebê estava recebendo só 20% de nutrientes pelo cordão umbilical, estava fraquinho. O médico me internou no mesmo dia 14/09/2012 e meu príncipe Eduardo nasceu de parto cesária no dia 16/09/2012 as 17:35hs. Nasceu com 33cm e pesando 850g, bem fraquinho.
    Nasceu de 7 meses e foi direto para UTI NEO NATAL, meu príncipe foi entubado pois ainda não conseguia respirar sozinho.
    Eu ficava de 9:00hs da manhã (hora liberada para as mães entrar na UTI) até as 21:00hs.
    Não podia nem segurar meu bebê que estava todo entubado, indefeso...a dor era imensa.
    Mesmo sofrendo orava sempre a Deus para fazer o melhor para meu filho, se o melhor fosse leva-lo que eu aceitaria, só não queria ver meu filho sofrer.No dia 18/09/12 recebi alta, que tristeza sair do hospital sem meu príncipe, deixa meu pequeno tão indefeso na UTI. Mas na quarta e quinta fui para o hospital e fiquei lá de 9:00 as 21:00hs só olhando pra ele pois pois como estava entubado eu não podia pega-lo nos braços.
    No dia 21/09/2012 quando estava arrumando para ir para o hospital ficar com o meu pequeno recebi a ligação que era para eu ir direto para o setor de assistência social pois meu príncipe tinha virado um anjinho.
    Meu mundo acabou naquele momento pois eu achava que ele iria ficar só uns dias e eu iria leva-lo pra casa.A pior dor de uma mãe e ver todas as pessoas recebendo alta e saindo com o filho nos braços e eu com o meu em um caixão.
    Chorei tanto que achei que iria ficar louca, era meu 1º filho e além de minha dor ainda tinha a do meu marido, até hoje quando ele fala sobre nosso filho eu choro.
    Depois de um mês meu obstetra me encaminhou para um hematologista para saber o motivo da insuficiência placentária, motivo pelo qual Eduardo nasceu de 7 meses.
    Foi detectado que eu tenho uma doença que se chama trombofilia, é uma especie de trombose na placenta, minha placenta envelheceu em 1 mês.
    Agora estou liberada para engravidar novamente, mas quando descobri minha gestação tenho que tomar uma injeção de Clexane durante toda a gravidez, essa injeção é aplicada todos os dias no braço ou na barriga.
    SE ALGUÉM TEM ALGUM CASO DE TROMBOSE NA FAMÍLIA, ANTES DE ENGRAVIDAR É BOM FAZER EXAMES COM O HEMATOLOGISTA POIS GERALMENTE PESSOAS PORTADORAS DE TROMBOFILIA SEMPRE PERDER O 1º FILHO SE A DOENÇA NÃO FOR DIAGNOSTICADA.
    Eduardo nasceu 16/09/12 e faleceu 21/09/12.

    Se quiserem conversar comigo meu e-mail é priscila_a.maia@hotmail.com

    ResponderExcluir
  70. Oi meu nome é Andressa tenho 22 anos é perdi meu filho, ontem fui fazer uma ultrassom para ver se dava pra saber o sexo do meu anjo mais o medico muito insenssivel falou na lata que meu filho não estava vivo que ele estava morto, hj que fui saber que ele morreu por que não se formou direito eu estava de 3 meses e uma semana achando que meu anjo estava bem e eu estava carregando ele morto dentro de mim, ta sendo horrivel esse dor, minha filha de 6 anos não para de chorar e fala que esta sonhando com o irmão dela isso esta sendo uma tortura para mim peço forças para deus para que eu aguente essa dor....

    ResponderExcluir
  71. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  72. Oi meu nome é Lidiane eu tenho 20 anos sou casada vai fazer 3 anos com o Pedro de freitas e faz 4 meses que perdi meu filho (Kaio Henrique)bom ele nasceu um menino sáudavel mais do nada ele ficou meio gripado , bom o medico disse, mais em momento algum ele examinou meu filho apenas passou nebulização com biroteque bom meu filho veio bem agitado de la . Em casa eu fiquei fazendo só com o soro , mais meu filho foi piorando , levei ele e la eles disseram que meu bebê ia fica e mandaram eu ir no dia seguinte dar mama , bom sabe cheguei com a maior esperança da minha vida , mais la eles falaram que meu filho tinha morrido não dava pra acredita mais era verdade , meu filho tinha ido embora ele teve 2 parada cardio respiratória quando ele faleceu ele tinha 28 dias ele nasceu dia 21/01/13 e faleceu dia 17/02/13 , e eu ainda tento me conforma , bom todo mês ,eu levo flores pois isso é a unica coisa que posso dar , depois disso não tive mais filho , mais ainda esta cedo demais . E eu não preciso de outro filho agora já tenho meu anjo que esta sempre comigo todas as noites mesmo que seja la de cima ... Lidiane silva mãe de um lindo anjo Kaio Henrique

    ResponderExcluir
  73. Olá meu nome é Ane Caroline tenho 22 anos sou casada a 4 anos com Lucas silva e vou contar um pouco da minha história.
    Bom gente como eu já disse no dia 17 de setembro fiz 4 anos de casada com o meu esposo,e desde o ano de 2011 que queria engravidar,que queria ter um filho para beijar,amar,carregar no colo,dizer o quanto eu amo e ser uma boa mãe.Só que eu nunca conseguir engravidar.Mais pra minha surpresa no dia 07/08/2013 conseguir ganhar o meu positivo,fiquei muito alegre pois Deus tinha mim dado algo de mais importante em minha vida que era o meu príncipe(princesa).Só que minha alegria foi por pouco tempo,quando comecei a sangrar e isso começou a um infeliz principio de aborto,que finalmente levou a um aborto espontâneo.E com isso fiquei muito triste,pois depois de um tão esperado positivo ganhei essa perda tão grande.Bom obrigada por tudo e que Deus continue nos abençoando.

    ResponderExcluir
  74. Olá meu nome é Ane Caroline tenho 22 anos sou casada a 4 anos com Lucas silva e vou contar um pouco da minha história.
    Bom gente como eu já disse no dia 17 de setembro fiz 4 anos de casada com o meu esposo,e desde o ano de 2011 que queria engravidar,que queria ter um filho para beijar,amar,carregar no colo,dizer o quanto eu amo e ser uma boa mãe.Só que eu nunca conseguir engravidar.Mais pra minha surpresa no dia 07/08/2013 conseguir ganhar o meu positivo,fiquei muito alegre pois Deus tinha mim dado algo de mais importante em minha vida que era o meu príncipe(princesa).Só que minha alegria foi por pouco tempo,quando comecei a sangrar e isso começou a um infeliz principio de aborto,que finalmente levou a um aborto espontâneo.E com isso fiquei muito triste,pois depois de um tão esperado positivo ganhei essa perda tão grande.Bom obrigada por tudo e que Deus continue nos abençoando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. anne caroline tenha fe em deus ele sabe de todas as coisas em nossas vida eu sei como e perde um filho so tem quatro messes que perdi meu tao sonhado filho mais estou aqui firme na presença de deus ...deus tem um grande plano na vida de cada mae que perderam seus filho

      Excluir
  75. Olá, meu nome é Lilian, tenho 30 anos e sou casada há 9 anos. Desde o incio do casamento pensamos muito em um bebê, mas sabíamos que devíamos esperar estarmos estruturados financeiramente para então realizarmos esse sonho, porque sempre pensamos no que poderiamos proporcionar a ele. Então, em novembro de 2012 descobri que tenho endomretriose e que poderia ter dificuldades de engravidar. Como já estava nos nossos planos parar o anticoncepcional nos meses seguintes resolvemos adiantar e em novembro mesmo parei. Em janeiro fui no médico e ele me deu o prazo de 6 meses para engravidar e caso não acontecesse ele me sugeriu a cirgurgia (laparoscopia), pq ele acreditava que não valia a pena de correr o risco de ficar esperando mt tempo se a cirurgia podia ajudar. Mas meu convênio não cobria essa cirgurgia, então eu teria que fazer outro e esperar os 6 meses de carência que seriam exatamente o prazo que o médico me deu. Mas como estávamos construindo todo o dinheiro estava concentrado na obra e não sobrava para que eu pudesse fazer o convenio. O tempo foi passando e eu cada vez mais ficando preocupada, pq nada de engravidar e nada de fazer o convenio, ate que eu e marido fizemos as contas e tudo mais e vimos que em setembro daria pra fazer o convenio (isso no inicio de julho). Dai eu esperaria os 6 meses de carencia, faria a cirurgia e então tentaria nosso bebezinho. Mas então no dia 15 de agosto tive a maior felicidade da minha vida, descobri que tava grávida, isso msm,, Deus me deu a benção de ser mãe sem precisar da cirurgia, meu coração não cabia no peito de tanta felicidade.
    No dia 16 de ago ja liguei pro meu medico pra marcar uma consulta, mas só consegui pro dia 2 de set. Mas td bem a felicidade era tanta que eu podia esperar. Eu tinha muita cólica e isso começou a me preocupar, mas liguei no medico e ele disse que isso era normal. Meu medo era de uma gravidez ectópica por causa da endometriose, então enquanto não chegou dia 2 não tive sossego em meu coração(...)

    ResponderExcluir
  76. continuando...
    (...)Chegou o dia da consulta, eu era a pessoa mais ansiosa do mundo. Pelas contas do médico eu ja estava de 6 semanas e então fomos fazer a ultrassom. Meu mairo medo naquele momento que era a gravidez fora do ultero teve fim, o saco gestacional tava lindo no meu ultero e então começa outra preocupação: o médico só visualizou o saco gestacional, não dava pra ver o embrião e então ele me disse q haviam duas possibilidades: de ta mt pequenininho e por isso não deu pra ver ou ser uma gestação anembrionária, onde o embrião não se desenvolve. tinhamos que esperar algumas semanas para então refazermos o ultrassom. Dia 19/09 marquei uma ultra em uma clinica e o retorno com o medico dia 25. Foram dias angustiantes pra mim, aquela duvida se ue tinha ou não um bebezinho crescendo em mim, mas arrumei forças e tive a ctz de que estava td bem. Então no dia 19 fomos eu e meu marido pra clinica. Ansiedade demais naquele momento, então a mocinha que foi realizar a ultra disse q iria fazer todas as medições primeiro e depois falava com a gente. Quando ela começou a sensação mais maravilhosa do mundo, vi meu bebe, ele estava ali, meu coração ia explodir de tanta felicidade e então ela foi fazendo as medições e tudo mais, mas não estava com a cara mt boa e então aquela alegria que sentia deu lugar à preocupação novamente.
    Sem meias palavras ela disse pra mim que o bb estava do tamanho que devia estar mas que ela não visualizou os batimentos cardiacos, e naquele tempo tinha que bater. Meu mundo caiu, mas não podia perder as esperanças. Ela perguntou se eu tinha sangrado e respondi que não e então ela disse: ah então vc vai sangrar. Sai de lá desolada, sem chão...só conseguia chorar. Meu marido ligou no meu medico mas ele estava viajando e só voltava na segunda (isso foi na quinta), mas como o pai dele tb é ginecologista, qd é assim ele atende. Então foi marcado pras 17h eu passar nele, de 13h ate lá foi uma eternidade. Ele foi um amor, mt atencioso, fez outra ultra e me fez acreditar de que seria possivel n ter ouvido o coraçãozinho pq eu podia estar de menos tempo. Fui embora pra casa feliz. Esperei até 25 de set pra então passar novamente com meu medico. Deus foi mt bom, me deu mt traquilidade pra esperar esse tempo (praticamente mais uma semana de espera).
    Dia 25 chegou, minha consulta marcada pra 10:30h, tremia que nem vara verde. Meu medico olhou bem nos meus olhos e disse: vamos fazer uma ultra agora, mas veja bem, hoje temos que ouvir o coração, se não ouvirmos infelizmente não teremos mais esperanças. Meu mundo caiu, o coraçãozinho do meu bb não batia mais, eu estava com 9 semanas. Isso foi quarta, e como n tive sangramento nem nada, ele achou que podia ser mt sofrido pra mim esperar o organismos expelir naturalmente, sugerindo que eu fizendo a curetagem. Eu não consegui penar em nada naquele momento e quem tomou a frente foi meu marido. Enfim, ontem fiz o procedimento, foi a pior sensação do mundo. Fisicamente não senti nada, mas a dor no coração é imensa, estou completamente perdida. Todos dizem que não posso entrar na fossa e td mais e ate concordo, mas sinto que preciso passar por esse momento de luto, mas as pessoas ao meu redor não entendem e só me cobram que eu tenho que ser forte. Sei que não posso parar minha vida por causa disso, mas meu bb foi "tirado" de mim ontem e não consigo simplesmente acordar hj fingindo que nada aconteceu. O que da forças é ler depoimentos de pessoas que passaram pelo msm, ou ate coisas piores, e conseguiram superar, dá um conforto no coração de que vai ser possível amenizar essa dor sem tamanho que sinto.

    ResponderExcluir
  77. Desculpa o tamanho do post, estava precisando desabafar!!

    ResponderExcluir
  78. liih tenha fe em deus eu sei o quando voce esta sofrendo e uma dor e um vazio que nao tem tamanho so quem passa e que sabe o quando que uma mae sofre eu perdi meu filho tambem com 40 semanas e 4 dias ja estava na hora de nascer mais deus tem um proposito em nossas vidas e so ter muita fe em deus que tudo vai dar certo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Maria de Jesus, pelo apoio. Nem posso imaginar a dor que você passou. Pra mim, que tava no comecinho, está sendo mt dificil. Eu ainda tô na fase do questionamento, o porquê? mas sei que não a cabe a nós questionarmos e que tudo é no tempo de Deus e uma hora meu coração irá acabar aceitando isso, tenho fé.

      Excluir
    2. liih e muito dificil no começo agente aceitar a perda de um filho.....filho esse que agente tanto sonho em ter e quando chega a hora em telo em nossos braço perdemos de repente pensamos que somos as unica que esta sofrendo mais quantas maes que estao sofrendo nesse exato momento por perde seu filho euma dor que te consome a cada dia que passa mais temos que ter muita fe em deus por que se nao a pessoa fica doida nessa hora de dor so deus pra nos conforta liih e muito doido passar 9 meses com um filho no ventre e depois perde ele na hora de nascer era pra ser uma hora de alegria mais nao foi so tive tristeza nesse dia meu mail e diuamariah@gmail.com se voce quiser conversa comigo estarei aqui beijos

      Excluir

1- Escreva no quadro em branco a sua mensagem.

2- Se você tiver uma conta no Google (gmail) digite em NOME DE USUÁRIO: o seu e-mail, e em SENHA: a sua senha (só você tem acesso). Não esqueça de clicar no quadro: Enviar por e-mail comentários de acompanhamento para o seu e-mail, assim se alguém postar uma resposta irá direto para sua caixa postal.

3- Caso você não tenha uma conta no google, escolha a opção Nome/URL.

• no quadro Nome escreva seu primeiro nome
• na URL (opcional) escreva o endereço do seu blog se você tiver, por exemplo: www.seubog.blogspot.com (se não deixe em branco)

4- Clique em visualizar.

5- Se estiver tudo "ok" clicar em publicar comentário.

Prontinho agora é só esperar uma resposta.

Obrigada por deixar o seu recado no blog Perdi meu bebe.

Observação: Peço a gentileza de não mencionar telefones e celulares nos comentários, pois comentários com números de telefones não serão mais publicados, caso desejem apenas divulguem o endereço de e-mail, lembrando que ficará disponível para qualquer pessoa ver. O blog não se responsabiliza pelos contatos feitos a partir do e-mail divulgado.
Cecylia